Com resistência de grandes bancadas

CCJ do Senado cancela reunião sem votar reforma tributária

Presidente da comissão, Davi Alcolumbre (DEM-AP), informou que não havia quórum suficiente para a deliberação

Por  Estadão Conteúdo -

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado cancelou a reunião desta quarta-feira, 6, sem votar a reforma tributária, que estava na pauta do colegiado.

O presidente da comissão, Davi Alcolumbre (DEM-AP), informou que não havia quórum suficiente para a deliberação.

Além da reforma tributária, o projeto que flexibiliza porte e posse de armas de fogos estava na pauta e também atraiu resistências.

A cúpula do Senado ainda tentava um acordo para votar a reforma na CCJ, mas resistências de grandes bancadas, principalmente do MDB, a maior da Casa, e do setor de serviços impediram um entendimento.

Cadastre-se na IMpulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem com o seu bolso — de um jeito fácil de entender:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe