Cartão de crédito consignado é usado para compras, principalmente de alimentos

Em pesquisa, 87% dos entrevistados disseram usar o cartão consignado para compras típicas do dia-a-dia

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Pesquisa realizada pelo Ibope, a pedido do Banco Cruzeiro do Sul, mostrou que aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) usam o cartão consignado para realizar compras, principalmente de alimentos e em supermercados.

Os dados, divulgados nesta quarta-feira (18), revelaram que, dentre os 500 usuários do Card Melhor Idade entrevistados em 31 de maio, 87% disseram usar o cartão consignado para compras típicas do dia-a-dia.

O maior gasto é com alimentação e em supermercados: 75% disseram usar o cartão para estas finalidades. Outros 46% responderam que usam o plástico para compra de vestuário e calçados, 39%, para aquisição de medicamentos, 28%, em lojas de departamento e 8%, para compra de materiais de construção.

Saques com cartão

Aprenda a investir na bolsa

Desde o começo deste mês, a Previdência Social proibiu o saque com o cartão de crédito consignado. A regra mais dura tem como objetivos combater fraudes, evitar endividamento excessivo e disciplinar a utilização do cartão de crédito.

“Estamos aperfeiçoando ainda mais as regras. Nosso objetivo é que aposentados e pensionistas tenham mais segurança, se precisarem recorrer ao consignado. E se as instituições não cumprirem as determinações, a punição será rigorosa”, afirmou o então ministro da Previdência Social, Luiz Marinho, quando publicou a medida.

Segundo o membro do Conselho de Administração do banco, Fabio Rocha, houve uma perda aos usuários do cartão. “De qualquer forma, as pessoas que utilizavam para saque, de fato, perderam esse benefício que é comum a todos os cartões de crédito existentes”, opinou.

Uso do plástico

De acordo com Rocha, o cartão de crédito consignado tem sido bastante usado por aposentados e pensionistas do INSS, reforçado pelo grande número de beneficiários que não tem conta-corrente – fora aquela na qual recebem o benefício em banco.

Para se ter uma idéia, o crescimento do produto do primeiro trimestre de 2007 para o mesmo período de 2008 foi de 56%.