Câmara Baixa do Japão aprova orçamento para estimular economia

Orçamento complementar de ¥ 1,8 trilhões, também deve ser aprovado pela Câmara Alta, cuja maioria é da oposição

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A Câmara Baixa do Japão aprovou um orçamento complementar de ¥ 1,8 trilhão (cerca de US$ 17,8 bilhões) para estimular a economia do país asiático.

Aprovada pela maioria, o orçamento deve entrar em vigor mesmo se a oposição, que domina a Câmara Alta, com menos poder, rejeitar a proposta. Recentemente, o primeiro-ministro do país, Taro Aso, afirmou que sua prioridade seria implantar medidas de estímulo econômico antes de convocar novas eleições no país.

Destino do dinheiro

O orçamento extra inclui ¥ 351,8 bilhões para diminuir os custos com medicamentos de idosos, ¥ 729,6 bilhões para a prevenção de desastres, e ¥ 188,1 bilhões para promover a redução das emissões de carbono.

Aprenda a investir na bolsa

Segundo a Agência Kyodo, a oposição deve aprovar a proposta no dia 16 deste mês, para depois poder pressionar Aso a convocar novas eleições.