Brasileiros estão economizando mais energia depois do apagão de 2001

Estudo da WWF Brasil mostra que 80% dos brasileiros desligam lâmpadas e aparelhos quando não estão usando

SÃO PAULO – O apagão de 2001 e as medidas restritivas para o consumo de energia não deixou saudades para os brasileiros, mas causou mudanças de comportamento na população. De acordo com um estudo da ONG (Organização não-governamental) WWF Brasil e do Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística), 80% das pessoas economizam energia, desligando aparelhos e lâmpadas quando não estão sendo usados.

Segundo a Agência Brasil, o coordenador do Programa de Educação Ambiental da ONG, Irineu Tamaio, acredita que o apagão tem influência nesse comportamento. Ele também considera o índice, observado em todas as classes sociais, alto.

Além disso, 48% dos brasileiros afirmaram que compram lâmpadas e aparelhos eletrônicos que consomem menos energia. Entre as classes A e B, esse número é maior, de 55%, enquanto nas classes D e E é de 29%. “Às vezes, a classe A/B tem mais informações. Na hora de adquirir um eletrodoméstico e utilizar o critério de eficiência energética, é muito importante que se tenha informações”, afirma Tamaio.

Consumo de água

PUBLICIDADE

Mas não é só energia elétrica que os brasileiros estão economizando. No estudo, 87% dos entrevistados também afirmaram que fecham a torneira enquanto escovam os dentes e só abrem para molhar a escova e enxaguar a boca.

Dos participantes, 43% também informaram que não demoram mais de 10 minutos no banho, enquanto 13% afirmou que demora mais de 20 minutos. Porém, entre aqueles com idade entre 16 e 24 anos, 21% levam mais que 20 minutos nessa atividade. “Quanto mais idosa a pessoa, menos tempo ela gasta no banho”, informa Tamaio.