Brasil inicia processo de saída da crise econômica, diz Dilma Rousseff

Medidas do governo para combater os impactos da crise, como corte na Selic e redução do IPI, são destacadas pela ministra

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, afirmou nesta segunda-feira (15) em evento de divulgação das obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) que o Brasil iniciou o processo de saída da crise financeira, ainda que cauteloso. De acordo com ela, essa recuperação da economia se deve às medidas tomadas pelo governo.

“É possível para o Brasil crescer com estabilidade e ainda com distribuição de renda (…) radicalizamos quando a crise veio, aumentamos os investimentos em infraestrutura para o desenvolvimento econômico e social”, disse a ministra, citando também os cortes na taxa Selic, atualmente em 9,25% anuais.

Dilma ainda destacou a redução do IPI (Imposto sobre Produto Industrializado) em setores como o automotivo e o aumento no salário mínimo.

PIB recessivo

Aprenda a investir na bolsa

A respeito do recuo de 0,8% na economia brasileira nos três meses iniciais de 2009, a ministra destacou que o consumo das famílias voltou a crescer e que o governo espera números mais positivos para os próximos meses.