Redução de custos

Brasil estuda deixar 34 orgãos internacionais para reduzir custos, diz Reuters

Lista foi preparada pelo Ministério do Planejamento e tem objetivo de reduzir custos

Aprenda a investir na bolsa

(Bloomberg) – Entre as organizações internacionais que o país pode abandonar estão estão a Secretaria-Geral Ibero-Americana, que prepara as cúpulas da região, e a Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (Unido), diz Reuters, citando fontes com conhecimento do assunto.

  • Lista foi preparada pelo Ministério do Planejamento e tem objetivo de reduzir custos
  • Governo brasileiro teria dívida de mais de R$ 3 bi com organizações internacionais, diz Reuters, citando dados mais recentes
    • Saída unilateral não havia sido cogitada até agora por implicar custo diplomático
  • Itamaraty diz que não há decisão fechada sobre a lista, segundo a Reuters

Esta matéria foi publicada em tempo realapara assinantes do serviço BloombergaProfessional.