Em meio a crise do governo com policiais

Bolsonaro edita decreto com autorização para nomeação de 625 novos PFs e 625 PRFs

Bolsonaro chegou a ligar para o Ministro da Justiça e pedir que fossem convocados mil servidores para cada corporação, mas acabou voltando atrás

Por  Estadão Conteúdo -

O presidente da República, Jair Bolsonaro, editou dois decretos autorizando a nomeação de 625 novos policiais federais e a mesma quantidade de policiais rodoviários federais. Os decretos foram publicados no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira, 26.

Bolsonaro chegou a ligar para o Ministro da Justiça e pedir que fossem convocados mil servidores para cada corporação, mas acabou voltando atrás. “Foi o que deu para fazer”, disse a apoiadores depois, referindo-se ao número de 625 para cada força policial.

Originalmente, o Executivo contrataria 500 vagas para cada corporação.

O aceno vem em meio a uma crise do governo com os policiais, após Bolsonaro deixar de lado uma promessa de reestruturação e se comprometer apenas com reajuste de 5% para todo o funcionalismo público, o que não atende às demandas da classe, consideradas integrantes da base eleitoral de Bolsonaro.

PF e PRF têm organizado manifestações em todo o País para pressionar o presidente a entregar a revisão nas carreiras, mas ainda não obtiveram sucesso.

Cadastre-se na IMpulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem com o seu bolso — de um jeito fácil de entender:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe