Discurso

Bolsonaro acusa governo de planejar atentado terrorista

Em aproximadamente 10 minutos de discurso, Bolsonaro não se referiu em nenhum momento às pedaladas fiscais

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) sugeriu, durante discurso no Plenário da Câmara na madrugada deste sábado (16), que o governo federal planeja um atentado terrorista para não entregar o poder.

Segundo ele, a confirmação feita pela Abin (Agência Brasileira de Inteligência) nesta semana de que tuíte de um militante do Estado Islâmico ameaçando o Brasil é legítimo seria um pretexto para o PT atacar o território brasileiro e acusar o grupo terrorista. O deputado ainda acusou o governo de fazer uso político da agência.

Em aproximadamente 10 minutos de discurso, Bolsonaro não se referiu em nenhum momento às pedaladas fiscais, que é exatamente o tema que sustenta o processo de impeachment de Dilma hoje. O deputado disse ainda não acreditar que o PT vá entregar o poder após uma “simples votação de impeachment”. A situação atual é “muito mais grave que o pré-1964”, declarou Bolsonaro, se referindo ao período anterior ao início da ditadura no país.