Commodities

BNDES aprova R$ 207,7 mi para unidade de etanol de 2ª geração da Raízen

O comunicado, enviado ao mercado nesta quinta-feira, informa ainda que a nova unidade de produção será construída no interior de São Paulo

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 207,7 milhões para a Raízen construir uma unidade de produção de etanol de segunda geração – tendo como matéria-prima a biomassa da cana-de-açúcar -, no interior de São Paulo, informou nesta quinta-feira a instituição em comunicado.

A Raízen é uma joint venture da Cosan (CSAN3) e da Shell no setor sucroenergético.