Crise na fronteira da Ucrânia

Biden alerta Putin sobre possibilidade de “ação decisiva” e “custos severos” se Rússia avançar sobre Ucrânia

Os presidentes das duas nações conversaram neste sábado (12) por telefone

Por  Equipe InfoMoney

Os presidentes dos Estados Unidos, Joe Biden, e da Rússia, Vladimir Putin, conversaram hoje (12) por telefone sobre as tensões na fronteira da Ucrânia, informou a Casa Branca em comunicado oficial.

De acordo com comunicado, na conversa, o presidente americano afirmou que o país e seus aliados estariam preparados para responder de forma decisiva e impor “custos severos” à Rússia caso o país “avançasse mais” sobre a Ucrânia.

“O presidente Biden também reforçou que uma invasão da Rússia na Ucrânia poderia gerar sofrimento humanitário e diminuiria a posição da Rússia”, informou a Casa Branca.

O documentou finalizou informando que o Presidente Biden deixou claro ao russo que embora os Estados Unidos sigam buscando uma saída diplomática, o país, em conjunto com os aliados e parceiros, estaria igualmente preparado para outros cenários.

Cadastre-se na IMpulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem com o seu bolso — de um jeito fácil de entender:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe