AO VIVO Giba Coelho, analista técnico da XP, ensina como se tornar um trader consistente

Giba Coelho, analista técnico da XP, ensina como se tornar um trader consistente

Depois da derrota

Base aliada ajudará a manter vetos de Dilma após reunião com Berzoini, diz líder do PR

Partidos que se insurgiram nesta semana contra o governo estão dispostos a fornecer quórum e a manter vetos presidenciais semana que vem

arrow_forwardMais sobre

(SÃO PAULO) – Reunião na noite de quarta-feira com ministro da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, foi positiva e membros da base estão dispostos a dar um voto de confiança ao governo, diz o líder do PR na Câmara, Mauricio Quintella Lessa

  • Partidos que se insurgiram nesta semana contra o governo estão dispostos a fornecer quórum e a manter vetos presidenciais semana que vem, disse Lessa em entrevista por telefone
  • Apesar de estar na Câmara nesta quarta, Lessa não apareceu para votação por estar em reunião com membros do partido, disse o líder do terceiro maior partido da base aliada na Câmara, com 34 deputados
  • “Tivemos um problema na Câmara causado pela reforma ministerial, alguns partidos da base se sentiram preteridos, resolveu-se o governo com o PDT e parte do PMDB, outros continuaram de fora”, disse Lessa
  • “Nas pautas que vêm na semana que vem não há divergência na base, deverá manter os vetos, apoiar o ajuste fiscal, não vejo dificuldade”
  • Decisão do TCU nesta quarta “sempre reacende a chama da conspiração” em relação ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, disse o líder
  • “Quem tem interesse no impeachment vai ter de se mobilizar, acho pouco provável que consigam se passar desse ano, já que economia pode melhorar” além de eleições municipais, disse Lessa

Esta matéria foi publicada em tempo real para assinantes do serviço Bloomberg Professional.

Quanto custariam suas ações em dólar? Deixa seu email e descubra:

PUBLICIDADE