Política

Barbosa critica Cardozo “do meio da Sapucaí, pulando carnaval”, diz ex-ministra

Gleisi Hoffmann ainda falou sobre as tentativas de levar Cardozo ao Congresso, dizendo que são desnecessárias essas convocações da oposição

SÃO PAULO – Durante o carnaval, o ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, criticou e pediu a demissão do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, pelo Twitter, após o mesmo ter se encontrado com advogados de empreiteiras investigadas pela Operação Lava-Jato. Diante disso, a ex-ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT-RS) saiu em sua defesa.

“É inusitado que, do meio da Sapucaí, pulando carnaval, o ex-ministro que nunca recebia advogados quando estava na presidência do Supremo, numa conduta absolutamente equivocada, critique o ministro da Justiça por fazê-lo”, ironizou a ex-ministra segundo informações do Valor Econômico.

Gleisi ainda falou sobre as tentativas da oposição de levar Cardozo ao Congresso, dizendo que são desnecessárias essas convocações. “O ministro virá ao Congresso a hora que precisar, de sua livre e espontânea vontade. Ele não tem nada para esconder”, completou. “Todo processo envolvendo a Lava-Jato corre em segredo de Justiça. Se o principal do processo corre em segredo, todo o mais não tem de ser público”, disse ela sobre o encontro do ministro com os advogados.