Pesquisa

Avaliação positiva do governo Dilma despenca para 12%, diz CNI/Ibope; confiança cai a 24%

Os que acham o governo regular passou de 32% para 23%, enquanto os que veem o governo como ruim ou péssimo saltou de 27% para 64%, mostra pesquisa divulgada esta manhã

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A pesquisa de popularidade do governo Dilma Rousseff realizada pelo Ibope e contratada pela CNI (Confederação Nacional da Indústria) saiu nesta quarta-feira (1) às 11h (horário de Brasília).

A avaliação boa/ótima de governo da presidente despencou para 12%, ante avaliação boa/ótima do governo de 40% em dezembro. Os que acham o governo regular passou de 32% para 23%, enquanto os que veem o governo como ruim ou péssimo saltou de 27% para 64%. 

Hoje, apenas 19% aprovam o modo de governar da presidente Dilma, ante 52% na última pesquisa. Em dezembro, a desaprovação à forma da presidente governar era de 41% e saltou para 78%.  A confiança na presidente também apresentou queda de 51% para 24% no mesmo período.

PUBLICIDADE

De acordo com os entrevistados pelo Ibope, os principais problemas no governo Dilma são impostos (90%) e juros (89%) e, para 76% dos entrevistados, o segundo governo Dilma está sendo pior que o primeiro. As notícias sobre a operação Lava Jato/ investigação na Petrobras foram as mais lembradas pela população, sendo citadas por 28% dos entrevistados.

A pesquisa foi realizada entre os dias 21 e 25 deste mês, com 2.002 pessoas em 142 municípios, e revela a avaliação dos brasileiros sobre o desempenho do governo federal.

Vale lembrar que a última pesquisa de popularidade de Dilma, realizada pela CNT/MDA, mostrou que a avaliação do governo Dilma caiu a 10,8%, enquanto o último Datafolha, de meados de março, mostrou que a popularidade de Dilma caiu para 13%.