Segurança

Após protesto em sua casa, Temer decide deixar São Paulo e ir a Brasília

A manifestação que ocorreu na casa de Temer foi convocada pelo Levante Popular da Juventude e faz parte da ação #escrache um golpista

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Após um protesto realizado em frente à sua casa em São Paulo na manhã desta quinta-feira (21), o vice-presidente da República, Michel Temer, decidiu deixar a cidade e voltar para Brasília. Segundo informações do G1, a assessoria do vice alegou que a decisão foi tomada por motivos de segurança. 

A manifestação que ocorreu na casa de Temer foi convocada pelo Levante Popular da Juventude e faz parte da ação #escrache um golpista. O grupo diz que a presidente Dilma Rousseff não cometeu crime de Responsabilidade e que o PMDB sair da base, mas manter um vice-presidente no governo é um golpe. 

Temer esteve na capital paulista para conversar com as lideranças estaduais do PMDB para avaliar um discurso para contrapor as recentes falas de Dilma e de governistas. Dentre os presentes no encontro, destaque para a figura de Thomas Traumann, que foi porta-voz e ministro da Secom (Secretaria de Comunicação Social) da petista até o ano passado, quando foi substituído por Edinho Silva.

Aprenda a investir na bolsa

Especiais InfoMoney:

Carteira InfoMoney rende 17% no 1º trimestre; CLIQUE AQUI e baixe!

Trader que perdeu R$ 285.000 com Telebras conta como deu a volta por cima

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa