Tensão

Após lista de Janot e em meio à “tensão política”, Dilma faz reunião com ministros

De acordo com o Estadão os ministros da Casa Civil, Aloizio Mercadante, da Defesa, Jaques Wagner, da Justiça, José Eduardo Cardozo e da Secretaria Geral, Miguel Rossetto, estão reunidos com a presidente

SÃO PAULO – Diante de toda a confusão política e as incertezas geradas pela lista do do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que permanece em sigilo, a presidente Dilma Rousseff (PT) convocou alguns ministros da chamada coordenação política para uma conversa no Palácio do Planalto. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

De acordo com a publicação os ministros da Casa Civil, Aloizio Mercadante, da Defesa, Jaques Wagner, da Justiça, José Eduardo Cardozo e da Secretaria Geral, Miguel Rossetto, estão reunidos com a presidente. O vice-presidente Michel Temer não participa do encontro pois está em São Paulo.

O Estadão afirma ainda que os interlocutores da presidente consideram que o clima político não é bom e, por enquanto, não há solução para as crises que estão sendo enfrentadas, embora o Planalto esteja tentando criar novas pontes com os presidentes do Senado, Renan Calheiros, e da Câmara, Eduardo Cunha, que, segundo diversos jornais, têm seus nomes entre os citados na lista de Janot.

PUBLICIDADE