Retaliação

Após bombardeio a Lula, PT inicia processo de expulsão de Palocci

Segundo Fernando Tremura, presidente do diretório municipal do PT de Ribeirão, o motivo da movimentação seriam as "acusações inverídicas que ele fez tentando incriminar o ex-presidente Lula"

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A executiva municipal do PT de Ribeirão Preto deu o primeiro passo para a punição ao ex-ministro e ex-prefeito da cidade Antonio Palocci após o depoimento prestado ao juiz federal Sergio Moro, no âmbito da Operação Lava Jato. Conforme noticia o jornal O Estado de S. Paulo, a executiva do partido no município paulista decidiu, por unanimidade, enviar o caso do ex-ministro à comissão de ética do partido, o que na prática indica o início de um processo de expulsão.

Em processo de negociação de acordo de delação premiada, Palocci afirmou ao juiz Moro, em depoimento (sem obrigação de dizer a verdade), que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva firmou um “pacto de sangue” com o empreiteiro Emílio Odebrecht, que consistiu no recebimento de propina e vantagens indevidas. Segundo Fernando Tremura, presidente do diretório municipal do PT de Ribeirão, o motivo da movimentação seriam as “acusações inverídicas que ele fez tentando incriminar o ex-presidente Lula”.

Segundo o dirigente, o partido não investigará acusações de corrupção que Palocci responde, o que ficará sob responsabilidade da Justiça Federal. Ele também negou que o diretório municipal estivesse evitando abrir processo contra o ex-ministro. Na semana passada, Tremura disse que o depoimento de Palocci se deu “sob efeito de tortura”.

Aprenda a investir na bolsa

Agora, o ex-ministro deverá ser notificado sobre a abertura do processo e terá um prazo para apresentar defesa. Dentro de até três meses, a comissão de ética apresenta um relatório com o resultado das investigações e sugestões de penalidades. O relatório é votado pelo Diretório Municipal, responsável pela última palavra. Segundo o jornal, as expectativas de membros da direção nacional são de que Palocci tome a iniciativa de pedir a desfiliação.