Disputa promete

Além de Meirelles: outro nome da equipe econômica de Temer se movimenta para eleição de 2018

Filiação do presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, ao PSC teve aval do presidente Michel Temer

SÃO PAULO – Discretamente, um integrante da equipe econômica do governo Michel Temer faz suas movimentações para as eleições de 2018. Trata-se do  presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, que se filiou na última terça-feira ao PSC, após conversa há vários meses com a sigla. O partido buscava um quadro há um ano, desde que o deputado Jair Bolsonaro avisou que deixaria o partido. 

De acordo com o colunista do G1, Gerson Camarotti, a filiação teve aval do presidente Temer. No entanto, ele pediu que o ato fosse feito longe dos holofotes.

A ideia é de que Rabello seja uma espécie de reserva técnica do PSC na disputa presidencial de 2018. Além de Rabello de Castro, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, também é apontado como um pré-candidato ao Palácio do Planalto, mas pelo PSD.  

PUBLICIDADE