Política

Alckmin inicia campanha pela internet, com hashtags e combate a “fake news”

A equipe, comandada pelo marqueteiro Lula Guimarães, contará com R$ 90 mil mensais para a operação e contará com o reforço de um time de "disseminadores" nas redes sociais

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, se prepara para lançar uma ofensiva na internet para nacionalizar sua pré-candidatura à presidência da República em 2018, apoiado pelo diretório nacional do PSDB. Conforme noticia o jornal O Estado de S. Paulo, com a hashtag #preparadoparaoBrasil, o objetivo do tucano é “humanizar” sua imagem e ampliar o nível de conhecimento do eleitorado de outras regiões do País acerca de seu trabalho.

A equipe, comandada pelo marqueteiro Lula Guimarães, responsável pela campanha de João Doria em 2016, contará com R$ 90 mil mensais para a operação e contará com o reforço de um time de “disseminadores” nas redes sociais.A ideia é usar linguagem informal nas postagens, gravar vídeos de bastidor e adotar um tom mais direto com o eleitorado.

O portal entrará no ar nesta terça-feira, com uma longa entrevista com o governador. A plataforma também contará com uma seção chamada “anti-fake news”. A estratégia também passa pelo acompanhamento das viagens do governador pela equipe de comunicação.

PUBLICIDADE