EM DESTAQUE EUA surpreendem e criam 2,5 milhões de empregos em maio; taxa de desemprego cai a 13,3%

EUA surpreendem e criam 2,5 milhões de empregos em maio; taxa de desemprego cai a 13,3%

Agenda de sexta-feira terá Nota de Política Fiscal e Núcleo do PCE

No front doméstico, será divulgado ainda o IPP, enquanto agenda norte-americana terá Personal Income e Personal Spending

SÃO PAULO – Na agenda doméstica desta sexta-feira (29), o o Banco Central divulgará a Nota de Política Fiscal de maio. Este relatório contém os resultados fiscais não-financeiros do setor público, ligados às dívidas e ao superávit primário.

Já o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulga ainda o IPP (Índice de Preços os Produtor) – Indústria de Transformação – de maio. O índice tem como objetivo acompanhar a evolução mensal dos preços recebidos pelo produtor da indústria de transformação.

Já na agenda norte-americana, o Departamento de Comércio revelará o Personal Income e Personal Spending do mês de maio, que avaliam a renda individual dos cidadãos norte-americanos e os gastos dos consumidores. Destaque também para o núcleo do PCE, medida de inflação mais acompanhada pelo Fed.

PUBLICIDADE

Além disso, será divulgado o Chicago PMI referente ao mês de junho, que mede o nível de atividade industrial na região. Por fim, a Universidade de Michigan publica a versão final do Michigan Sentiment de junho, que mede a confiança dos consumidores na economia norte-americana.

Agenda Brasil

IndicadoresHorário de BrasíliaReferênciaAnterior
IPP – Indústria de Transformação09h00Maio
Nota de Política Fiscal  
10h30Maio

Agenda internacional

IndicadoresHorário de BrasíliaReferênciaAnterior
Personal Income09h30Maio0,2%
Personal Spending09h30Maio0,3%
Núcleo do PCE09h30Maio0,1%
Chicago PMI10h45Junho52,7 pontos
Michigan Sentiment10h55Junho74,10 pontos

Europa e Ásia
Nessa data, o instituto Eurostat divulgará a taxa de desemprego da Alemanha referente a junho. Além disso, haverá a revisão do PIB do Reino Unido do primeiro trimestre, enquanto o instituto Gfk revelará a confiança do consumidor britânica de junho. Já a Zona do Euro divulga o indicador de confiança na economia de junho.

Já no front asiático, a China divulgará os lucros corporativos de maio. O Japão terá vários indicadores na agenda, como a taxa de desemprego, os preços ao consumidor e o indicador preliminar da produção industrial de maio.