2018 vem aí

Aécio tenta “colocar freio” em euforia dos tucanos sobre candidatura de Doria em 2018, diz jornal

Presidente do PSDB afirmou que há “muito açodamento sobre 2018“ e ressalta: "o que digo a quem me pergunta é que, numa hora dessas, cautela e caldo de galinha não fazem mal a ninguém“

SÃO PAULO – Em meio às indicações de que até os apoiadores do senador Aécio Neves (PSDB-MG) estariam vendo o prefeito João Doria como um “plano B” para 2018, o mineiro decidiu “colocar um freio”  na euforia que toma conta do tucanato, informa o Painel, da Folha de S. Paulo

Aécio afirmou que há “muito açodamento sobre 2018” e ressalta: “o que digo a quem me pergunta é que, numa hora dessas, cautela e caldo de galinha não fazem mal a ninguém”. 

Além dele, informa a coluna, aliados do governo de São Paulo Geraldo Alckmin, padrinho político de Doria, também se manifestaram.  Cauê Macris (PSDB-SP), presidente da Assembleia, diz que, se há articulação em torno de Doria, ela é tocada por “falsos aecistas”, que “trabalham incansavelmente para dividir o PSDB de São Paulo”, afirma a coluna. Já a coluna do Estadão destaca que o entorno de Alckmin atribui as especulações sobre eventual candidatura de Doria ao Planalto a fogo amigo de pré-candidatos ao Palácio dos Bandeirantes.

PUBLICIDADE