Política

Aécio: “não cabe ao PSDB condenar esta ou aquela nomeação” de um eventual governo Temer

O senador defendeu que Temer tenha liberdade para formar seu governo e que não cabe ao PSDB "condenar esta ou aquela nomeação"

SÃO PAULO – O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, almoçou nesta terça-feira (3) com o vice-presidente Michel Temer (PMDB), após encontro da Executiva Nacional do partido para entregar 15 princípios que os tucanos exigem como compromisso para confirmar sua participação no provável governo do peemedebista.

Segundo Aécio, Temer deve ter “absoluta liberdade” para montar governo de “altíssimo nível”, sem pressão para encaixar nomes de aliados. O essencial é obter o apoio do Congresso para aprovar as medidas para que o País retome crescimento, disse.

Aécio disse ainda que “a bancada do PSDB apoia prontamente” um governo Temer e que não caberia a eles “condenar esta ou aquela nomeação”. O senador defendeu que Temer tenha liberdade para formar seu governo e que o importante é que as primeiras medidas gerem esperança, otimismo ao País.

PUBLICIDADE