Eleições

Aécio ataca governo por recessão e diz que é preciso mudança consistente

"Hoje é um dia tristre para o Brasil, que acaba de entrar em recessão técnica", disse Aécio acrescentando que é preciso mudar e que ele representa a mudança consistente, e não o improviso

arrow_forwardMais sobre
Roger Agnelli, CEO of Vale do Rio Doce, left, Aecio Neves, governor of Minas Gerais, center, and Claudio Campos, director of Energy of Noveli Brazil, pose for photographers in front of the “Risoleta Neves” hydroelectric power plant in Rio Doce, Brazil Tuesday, August 30, 2005. Photographer: Marcos Issa/Bloomberg News.

SÃO PAULO – O candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, criticou duramente nesta sexta-feira o governo da presidente Dilma Rousseff, que busca a releição pelo PT, ao comentar a contração do PIB no segundo trimestre deste ano, levando o país a uma recessão técnica.

“Hoje é um dia tristre para o Brasil, que acaba de entrar em recessão técnica”, disse Aécio a jornalistas em São Paulo, acrescentando que é preciso mudar e que ele representa a mudança consistente, e não o improviso. “Mais do que nunca fica claro que este modelo que está aí fracassou.”

O Produto Interno Bruto do Brasil caiu 0,6 por cento no segundo trimestre sobre os primeiros três meses do ano, segundo dados divulgados pelo IBGE nesta sexta-feira.

PUBLICIDADE

Como o resultado do primeiro trimestre sobre os últimos meses de 2103 foi revisado para contração de 0,2 por cento, o país entrou no que os economistas chamam de recessão técnica, que é quando a atividade econômica cai por dois trimestres seguidos.