Acir Gurgacz toma posse no Senado após Expedito Júnior desistir de recurso

Empresário assume vaga no Senado após resistência de Expedito em entregar o cargo alimentar críticas no STF

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), empossou nesta quinta-feira (5) ao empresário Acir Gurgacz, do PDT de Rondônia, como senador da República. A destituição de Expedito Junior já havia sido determinada na semana passada pelo STF (Supremo Tribunal Federal), mas a Casa resistia em cumprir a decisão.

Expedito Junior, cujo mandato foi cassado por compra de voto e abuso de poder econômico nas eleições de 2006, teve o cargo cassado em junho pelo Superior Tribunal de Justiça. A determinação ainda não havia sido cumprida porque a Casa Legislativa decidiu analisar o recurso do ex-senador na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça).

O STF ordenou então a posse imediata de Gurgacz, segundo colocado nas eleições de 2006 para a vaga. A resistência do Senado gerou críticas entre os ministros do Supremo e outros magistrados. Demóstenes Torres, presidente da CCJ, disse à FolhaOnline que já havia decidido rejeitar o pedido de recurso e que foi surpreendido pela decisão de Expedito.

PUBLICIDADE

Já o senador cassado afirmou que não imaginava “que ao lutar por meu mandato ia criar um imbróglio como esse, uma afronta ao STF. Por isso decidi retirar o recurso.” Expedito afirmou ainda que vai continuar a lutar por seu cargo, mas agora por meio de recursos em outras instâncias, como o próprio Supremo.