XP Investimentos

OFERECIDO POR
Conteúdo Patrocinado

Cearenses avançam no processo de consultoria private

Prestes a entrar no seleto grupo de consultores da XP Wealth Services, a Aplix Private se prepara para nova plataforma

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

O mercado de alta renda no País está em franco crescimento e, mesmo diante de um cenário de recessão, o segmento de Private Banking permanece expandindo seus horizontes e diversificando suas plataformas de atendimento aos clientes milionários, que aderem cada vez mais aos serviços dos planejadores profissionais. Na região nordeste o setor cresceu 2.65% no último semestre, em relação aos seis meses anteriores, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro de Capitais, a Anbima.

Graças à mudança na cultura de investimentos e ao novo cenário econômico, os brasileiros se deparam com um novo portfólio de produtos de investimento, o que exige maior conhecimento de mercado e disponibilidade para acompanhamento de índices e relatórios, desconhecidos pela maior parte do público. Com a transformação do setor financeiro e o início do processo de desbancarização, surgem novos players, como agentes autônomos de investimentos, escritórios de Consultoria Multi Family Office e os gestores de patrimônio.

A prática de investimentos independentes fora da indústria bancária ainda é um mercado a ser explorado. O Nordeste do País foi o nicho escolhido pelos cearenses do Grupo Aplix, que atuam no mercado de investimentos da região há 10 anos e acompanham de perto o desenvolvimento regional do setor. Segundo levantamento da Anbima, realizado em setembro de 2020, a região abriga apenas 7.5% das contas Private de todo o Brasil.

Diante de tanto potencial de mercado e da demanda de clientes internos, o grupo deu início ao trabalho de private wealth management há mais de quatro anos, serviço que engloba não somente assessoria em corretoras, mas também o acompanhamento e consultoria nas diversas instituições bancárias brasileiras e internacionais.

Hoje a Aplix Private opera como uma Consultoria CVM e se prepara oficialmente para integrar o seleto grupo de Gestores de Patrimônio credenciados pela Comissão de Valores Mobiliários, uma mudança significativa de patamar tanto para a empresa, como para a sua carteira de clientes.

Segundo Alberto Saboia, Head da Aplix Private, o serviço de Private Wealth Management torna a gestão do patrimônio do cliente mais personalizada e prática: toda a estratégia fica sob a coordenação da Aplix e é executada mediante aprovação prévia do cliente. Coordenamos a rede de bancos e corretoras onde o cliente operar para que tudo ocorra de forma simples e eficiente, sempre de acordo com os objetivos e metas previamente estabelecidas pelo cliente. A Aplix se dedica a construir a estratégia de preservação e valorização do patrimônio de seus clientes.

“Imagine que você construiu um patrimônio familiar durante toda uma vida fazendo o que você sabe fazer de melhor: cuidar do seu negócio. Hoje em dia, com tantas opções de investimentos, com mudanças de cenários macroeconômicos tão dinâmicas, como administrar de forma eficaz a sua empresa, e ainda ter que interagir com diferentes gerentes e assessores e analisar vários extratos bancários? O nosso papel é fazer tudo isso, incluindo a parte operacional, que demanda tempo, como ligar para o gerente do banco e os agentes de custódia para que realizem a operação que melhor atenda aos interesses do cliente”, afirma. A ideia é que o patrimônio do cliente passe a ser gerido de forma profissional; que o patrimônio seja tratado como uma empresa e tenha uma gestão especializada, dedica à sua preservação e crescimento.

Certificação CFP

No caso dos consultores credenciados pela CVM, é necessário ter a certificação CFP, Certified Financial Planner, que os qualifica para a desafiadora tarefa de auxiliar o planejamento de grandes investidores. Muitas vezes o cliente possui recursos alocados fora do país, o que exige uma visão macro para enxergar as oportunidades de negócios, conhecimento tributário, legal e jurídico para orientar o público private.

PUBLICIDADE

Saboia explica que além do conhecimento técnico, o foco no cliente é a chave para se manter no mercado, que não tem mais barreiras geográficas.

“Fazer a gestão ativa do patrimônio de alguém é uma imensa responsabilidade, antes de mais nada é crucial conhecer o cliente. Não apenas responder um questionário institucional, mas saber dos seus anseios, seu momento de vida e seus projetos. Mapear se existem dívidas, se possui recursos no exterior, como pretende fazer seu planejamento tributário e sucessório são apenas algumas das ações para iniciar um bom atendimento. Conhecer um cliente e oferecer soluções private de verdade é ir muito além do suitability”.

Crescimento

As empresas de Private Banking se expandem e acompanham a democratização de investimentos no Brasil. De acordo com o IBGE, o rendimento médio da classe com maior poder aquisitivo cresceu 11% em 2019. No mesmo ano houve aumento de 12% das aplicações de pessoas físicas em relação à 2018, segundo a Anbima, que atribui o incremento à valorização de ativos de renda variável.

A oferta de acompanhamento contínuo, olhar de eficiência tributária, estrutura tecnológica utilizada por profissionais com conhecimento profundo de mercado, se fortalece com a mudança gradativa de mindset, principalmente quando os novos integrantes do mercado expõem o ponto fraco do concorrente e trazem à tona um problema crônico do setor bancário: o conflito de interesses.

“Nossa relação com o cliente é muito transparente. Ele sabe exatamente quanto custa o nosso serviço. Não ganhamos nada além do que está estabelecido em contrato e todas as comissões provenientes dos investimentos são revertidas diretamente para a conta do cliente”, conclui Saboia.

Abra uma conta na XP e tenha acesso a escritórios como a APLIX.

Disclaimer: CONTEÚDO PATROCINADO XP INVESTIMENTOS CCTVM S.A. Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “XP”) e tem caráter meramente informativo, não constitui e nem deve ser interpretado como solicitação de compra ou venda, oferta ou recomendação de qualquer ativo financeiro, investimento, sugestão de alocação ou adoção de estratégias por parte dos destinatários. Os prazos, taxas e condições aqui contidas são meramente indicativas. As informações contidas neste material foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros discutidos neste material podem não ser adequados para todos os investidores. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido. A XP Investimentos se coloca à disposição para clientes que desejam obter informações, tirar dúvidas ou fazer reclamações por meio de seu Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC). O contato do SAC é o telefone 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

PUBLICIDADE