Diversificação internacional

UTEC11: novo ETF permite investir a partir de R$ 10 em empresas como Apple, Microsoft e Mastercard

A taxa de administração do fundo de índice é de 0,3% ao ano

Por  Katherine Rivas -

Um novo ETF (fundo de índice) chegou à Bolsa nesta quinta-feira (19). O UTEC11, da XP Asset, permite ao investidor ter acesso a 357 empresas de tecnologia listadas nas bolsas dos Estados Unidos. Na sua maioria, são grandes empresas globais (big techs), dos segmentos de tecnologia, hardware, software, semicondutores, entre outros.

O UTEC11 replica o desempenho do índice MSCI US Investable Market Information Technology 25/50. Entre os maiores pesos da cesta de ativos é possível encontrar empresas como: Apple, Microsoft, Nvidia, Visa, Mastercard, Broadcom, Cisco, Accenture, Adobe e Inter Corp.

O fundo de índice possui taxa de administração de 0,3% ao ano. O rebalanceamento da cesta é trimestral e as revisões ocorrem geralmente nos meses de fevereiro, maio, agosto e novembro.

O produto já está disponível para todo tipo de investidores, incluindo pessoas físicas. O valor inicial de investimento é de R$ 10.

“O UTEC11 agrupa empresas que estão na vanguarda da tecnologia global, impulsionando disrupções que transformam o dia a dia das pessoas em diversas áreas, como comunicação e finanças”, afirma Danilo Gabriel, gestor da família de fundos indexados da XP.

Com o UTEC11, a XP Asset reúne na sua família de fundos passivos 16 ETFs. Estes englobam teses internacionais, com exposição a Europa, China, Ásia e mercados emergentes. É possível encontrar também ETFs temáticos, com empresas ESG (ambiental, social e governança), ações small caps, REITs, fundos imobiliários e as ações mais negociadas do índice Ibovespa.

Ainda não investe no exterior? Estrategista da XP dá aula gratuita sobre como virar sócio das maiores empresas do mundo, direto do seu celular – e sem falar inglês

Compartilhe