Renda fixa

Taxas de títulos públicos têm queda nesta sexta-feira

Investidores repercutiram cena política e dados econômicos, no Brasil, enquanto mercados globais monitoraram avanço da Covid-19

(Shutterstock)

SÃO PAULO – As taxas pagas pelos títulos públicos negociados via Tesouro Direto apresentavam queda na tarde desta sexta-feira (27).

O título prefixado com vencimento em 2023 pagava um prêmio anual de 5,12%, ante 5,22% na tarde de ontem. A taxa paga pelo mesmo papel com prazo em 2026, por sua vez, cedia de 7,51% para 7,42% ao ano.

Entre os papéis indexados à inflação, o com vencimento em 2035 pagava uma taxa anual de 4,05% nesta tarde, ante 4,12% no pregão anterior. Já o juro pago pelo Tesouro IPCA+ com juros semestrais 2040 era de 4,04%, ante 4,09% ontem.

Confira os preços e as taxas dos títulos públicos nesta sexta-feira (27):

Fonte: Tesouro Direto

Cena política doméstica

Entre os destaques do dia, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou ontem, em entrevista ao SBT News, que a discussão com o ministro da Economia, Paulo Guedes, está superada.

Na última quarta-feira, durante evento, o presidente do BC pediu um plano do governo que demonstrasse ao investidor que o Planalto está preocupado com a trajetória de crescimento da dívida pública, ao que Guedes respondeu que, se Campos Neto tivesse “um plano para recuperar a credibilidade fiscal, poderia apresentá-lo”.

Ontem, ao jornal Valor Econômico, Guedes negou que tenha havido um atrito entre ele e Campos Neto.

Durante cerimônia no Palácio da Alvorada na quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro saiu em defesa de Guedes e disse que o ministro é insubstituível. “Nosso posto Ipiranga é insubstituível”, disse o presidente, retomando apelido usado durante a campanha e que mostra prestígio do ministro, que sofre críticas sobretudo pela lentidão das reformas fiscais.

Na agenda de indicadores, o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) subiu 3,28% em novembro na comparação com outubro, acima da expectativa mediana da pesquisa Projeções Broadcast com 28 instituições, de 3,19%.

PUBLICIDADE

Com o resultado, o índice acumula inflação de 21,97%, em 2020, e de 24,52%, em 12 meses.

Leia também:
5 investimentos atrelados à inflação para proteger o seu portfólio da alta do IPCA

Destaque ainda para a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Mensal (PNAD Contínua), que mostrou taxa recorde de desemprego de 14,6% no terceiro trimestre de 2020 – a maior já registrada na série histórica da pesquisa, iniciada em 2012.

Apesar do recorde, o número foi melhor do que a alta para 14,8% esperada pelos economistas consultados pela Bloomberg.

Quadro internacional

No exterior, os mercados seguiram acompanhando o avanço do coronavírus e as preocupações com a adoção de novas medidas de isolamento social para combater o vírus.

Na quarta-feira, a chanceler Angela Merkel confirmou que a Alemanha deve prorrogar até ao menos o dia 20 de dezembro o lockdown parcial implementado no país.

A França, que também implementa um lockdown parcial, vem registrando mortes em número similar ao de abril. Reino Unido também tem alta de casos, que não atingem, no entanto, o mesmo patamar do início da pandemia.

Nos Estados Unidos, os mercados voltaram hoje do feriado de Ação de Graças, mas as bolsas americanas fecharam mais cedo, às 13h.

PUBLICIDADE

Por lá, o presidente Donald Trump disse, pela primeira vez, que deixará a Casa Branca se o democrata Joe Biden for o mais votado pelos delegados no colégio eleitoral, no próximo dia 14 de dezembro.

No entanto, o mandatário afirmou que não sabe se comparecerá à posse de Biden, no dia 20 de janeiro de 2021, e voltou a dizer – sem provas – que houve fraudes nas eleições.

Invista no ativo com maior potencial de valorização: o seu conhecimento. Aproveite descontos de até R$ 1.319 nos cursos do InfoMoney e Xpeed – vagas limitadas!