Carteira

Santander Corretora indica 8 pagadoras de dividendos para investir em maio

O objetivo do portfólio é superar o Ibovespa no longo prazo

SÃO PAULO – A Santander Corretora divulgou a sua carteira de dividendos para o mês de maio e, com o objetivo de superar o Ibovespa a longo prazo, optou por substituir os papéis de Banco do Brasil (BBAS3) pelos de Banrisul (BRSR6). 

Recomendada para quem tem perfil mais conservador e visão de longo prazo, ou seja, que não pretende vender as ações em um curto intervalo de tempo, a carteira possui empresas pouco voláteis, com baixo endividamento e que oferecem dividendos como forma de remuneração ao acionista. 

De acordo com a equipe de análise, que iniciou cobertura de Banrisul em abril com recomendação de “compra” e um preço-alvo de R$ 28, o banco oferece uma excelente combinação de: i) momento operacional positivo (projeção de crescimento de 17% e 14% a.a. para os lucros líquidos de 2018 e 2019; ii) valuation atrativo (visto como um dos mais descontados em relação ao seu potencial de crescimento); iii) excesso de capital (o banco possui um dos melhores índices de solvência do segmento) e iv) catalisadores de curto-prazo, como o possível IPO de sua divisão de cartões, que levantaria recursos ao banco e destravaria valor aos acionistas. 

PUBLICIDADE

Ainda de acordo com o documento, apesar do banco atuar em diversas linhas de crédito, o Banrisul tem predisposição para focar suas operações em atividades de baixo risco como uma vantagem em relação a outros bancos médios. Além disso, após um período de certa turbulência em 2015/2016, a equipe de análise afirma que vê o banco “finalmente entrando em um ciclo favorável”, sendo beneficiado pela queda da inadimplência, consequente redução das despesas com provisão e avanço das concessões de crédito. 

“Avaliamos que toda esta melhora dos fundamentos continuará evidente nos resultados do 1º trimestre de 2018, no qual esperamos um lucro de R$ 299 milhões, 5% acima do consenso de mercado”, escrevem os analistas. Eles destacam ainda o bom histórico de pagamento de dividendos e projetam um dividend yield de 5,3% para 2018.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Abra sua conta na Clear 

Desempenho

Em abril, a carteira de dividendos da Santander Corretora teve um desempenho positivo, mas inferior ao do Ibovespa. A carteira subiu 0,29%, enquanto o Ibovespa 1,61%. No último mês o destaque foi IRB, que subiu 13,35%

Na Santander Corretora, a rentabilidade da carteira é calculada através do preço médio das ações do dia de inclusão e exclusão da carteira, e não pelo preço de fechamento do dia anterior.

PUBLICIDADE

Confira, abaixo, a carteira da Santander Corretora* para maio: 

EmpresaPercentualTickerPreço-alvoDividend Yield estimado
AES Tietê10%TIET11R$ 14,8111,07%
Smiles12%SMLS3R$ 104,001,60%
IRB Brasil12%IRBR3R$ 47,005,15%
Banrisul10%BRSR6R$ 28,005,30%
Itaúsa22%ITSA4R$ 14,703,70%
MRV12%MRVE3R$ 18,505,37%
BR Distribuidora10%BRDT327,004,62%
Taesa12%TAEE11R$ 25,279,90%

* Carteira Recomendada – Estratégia Pessoa Física / Autor: Ricardo Peretti.