Em onde-investir / poupanca

Por que a poupança é um investimento ainda pior a partir de agora

Rentabilidade anual da poupança cairá para 5,78%

Porquinho: Fuja da Poupança
(Edson Lovatto)

SÃO PAULO – A poupança costuma apresentar um dos piores retornos em renda fixa e esses ganhos ficarão ainda menores a partir desta quarta-feira (6), após o Banco Central realizar o oitavo corte na Selic. Com a redução de 1 ponto percentual, a taxa básica de juros está agora em 8,25%, menor nível em quatro anos e patamar em que a rentabilidade dos depósitos cai para 70% da Selic mais a TR (Taxa Referencial).

Essa regra foi instituída em maio de 2012 e, desde então, todos os depósitos feitos a partir desta data têm rendimento diferenciado: quando a Selic está acima de 8,5%, a poupança rende 0,5% ao mês e, abaixo desse patamar, os ganhos caem para 70% da Selic +TR. Com o corte de hoje na Selic, a rentabilidade da poupança cairá para 5,78% ao ano.

Com esse rendimento menor, a atratividade da poupança - que já perdia da maior parte dos CDBs e Tesouro Selic - fica ainda menor. "Comparando com um CDB de 100% do CDI, por exemplo, que vai render os mesmos 8,25% ao ano  -  depois do IR de 15% (investimento acima de dois anos) -  ficaremos com uma rentabilidade final de 7% ao ano", calcula o assessor financeiro Juliano Custódio. 

Ainda que o investidor saque os aportes em menos de seis meses, quando a alíquota do imposto de renda é de 22,5%, os CDBs ainda ganham da poupança. "Ainda teremos uma rentabilidade de 6,4% que, mesmo sendo pouco, ainda é acima da poupança", destaca Custódio. 

Com um CDB com rendimento anual de 110% do CDI, título facilmente encontrado em bancos, a rentabilidade será de 7,7% aa, valor 1,5 ponto percentual acima dos ganhos da enfraquecida poupança.

"Em um mundo de taxas de juros baixas e de rentabilidades 'espremidas', isso faz toda a diferença. Afinal 7,7% (do CDB de 110%) é quase 30% maior do que os 6% da poupança. Se descontarmos a inflação - digamos de 3,5% - teremos líquidos 4,2% no CDB contra 2,5% da poupança", exemplifica o assessor de financeiro.

Veja simulação de rendimentos com a nova taxa Selic: 

A regra de rendimento da poupança foi alterada em 2012 com o objetivo de evitar que ela ficasse mais atrativas que outras opções, como fundos de investimentos cujos ganhos recuam junto com a taxa básica de juros. 

 Pode ficar pior
A perspectiva é de que o rendimento da poupança encolha ainda mais nos próximos meses. De acordo com o Boletim Focus desta semana, o mercado financeiro estima que a Selic encerre o ano em 7,25% ao ano. Nesse patamar, o rendimento anual da poupança é de apenas 5,08%.

O professor do InfoMoney, Alan Ghani, orienta que o investidor que precisar de liquidez diária busque pelo título do Tesouro Direto atrelado à Selic, que rende o valor cheio da taxa básica de juros e, justamente por isso, é indicado para os investidores mais conservadores. Vale lembrar que os cortes futuros na Selic previstos pelo mercado financeiro já estão embutidos nos títulos do Tesouro Direto.

Poupança em agosto
Os brasileiros depositaram mais dinheiro do que sacaram da poupança no mês passado. Com isso, a captação líquida ficou em R$ 2,14 bilhões e registrou o melhor desempenho para o mês de agosto desde 2013, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (6) pelo Banco Central. 

No acumulado de janeiro a agosto, a poupança registra saques líquidos de R$ 7,81 bilhões - o melhor resultado para o período desde 2014. 

 

Contato