Guia InfoMoney

Opções americanas e européias: diferenças não se devem à posição geográfica

Comprador de uma <em>put</em> americana tem sempre mais direitos do que de uma <em>put</em> européia, mas por quê?

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O mercado de derivativos convive com dois tipos de opções: européias e americanas. Obviamente, a classificação não tem qualquer relação geográfica, já que as opções européias não são negociadas exclusivamente no velho continente, enquanto o mesmo ocorre com as opções americanas nos Estados Unidos.

A distinção, no entanto, se faz necessária, pois as opções conferem aos seus compradores direitos sutilmente diferentes. O comprador de uma opção européia pode exercê-la somente na data do seu vencimento, enquanto o investidor que adquiriu uma opção americana tem o direito de exercê-la até a data de vencimento, ou seja, em qualquer período de tempo compreendido entre a compra da opção e o prazo de vencimento.

Americanas oferecem mais direitos
Deste modo, a opção do tipo americano oferece mais direitos ao seu comprador, isto porque ela pode ser exercida desde o momento de sua aquisição até o seu vencimento, enquanto a opção européia poderá ser exercida apenas no vencimento.

Aprenda a investir na bolsa

Assim, seria intuitivo imaginar que, para adquirir uma gama maior de direitos, o investidor deveria abrir mão de uma quantia maior de dinheiro, de modo que as opções americanas deveriam ser sempre mais caras do que as européias.

Preços das opções
O raciocínio acima é perfeitamente aplicável para as puts (opções de venda), considerando ativos sem pagamento de dividendos. Isto porque, em determinados momentos, pode ser vantajoso ao investidor exercê-la antes de seu vencimento. Deste modo, o prêmio pago por uma put americana deve ser sempre maior do que por uma put européia.

Contudo, o mesmo não é válido para as calls (opções de compra). Pode-se demonstrar matematicamente, demonstração esta que foge do escopo deste texto, que nunca será vantajoso para um comprador de uma call americana exercê-la antes do seu vencimento, de modo que este investidor possui rigorosamente os mesmo direitos de um comprador de uma call européia. Sendo assim, os preços das duas opções de compra (americana e européia) serão, em qualquer período de tempo, exatamente os mesmos.