Conteúdo Patrocinado
Oferecido por Manchester Investimentos

Manchester Investimentos: 55 anos de história e um novo olhar para o futuro

Empresa repensa modelo de gestão e espera atingir R$ 100 bilhões sob custódia nos próximos anos

Por  MoneyLab

A Manchester Investimentos, um dos escritórios mais tradicionais do mercado financeiro brasileiro (possui 55 anos de história), finalizou recentemente sua rodada interna para definir os próximos passos da empresa. Dentre as metas estão chegar a R$ 100 bilhões em custódia e a profissionalização completa da empresa.

O que sustenta os planos da Manchester é a manutenção de uma estratégia exitosa que transformou a empresa, que até 2015 tinha uma única unidade em Joinville (SC) com 17 profissionais.

Hoje são mais de 350 pessoas em 19 cidades e o crescimento de áreas como Recursos Humanos, Produtos, Finanças e Marketing. Com isso, os planos são ousados pros próximos anos.

“Ver este nosso filho crescer e se desenvolver tem sido uma experiência fantástica, principalmente pelo impacto positivo na vida dos nossos clientes e da nossa equipe. Isso é incrível e sabemos que estamos apenas no começo dessa jornada”, comenta Henrique Baggenstoss, CEO da Manchester Investimentos, ao comentar o forte crescimento do escritório, mas mantendo a essência do atendimento próximo e de alta qualidade.

“E o que me deixa mais feliz é que, mesmo com tantas pessoas novas, com tantos novos lugares e novas histórias, não perdemos a essência, que é o cliente em primeiro lugar. Nosso segredo é justamente esse, saber exatamente que a prioridade são as pessoas. Cuidar bem dos nossos clientes e da nossa equipe são os nossos pilares, eles são as nossas joias raras.”

Nos planos traçados pelo CEO para a Manchester estão atingir R$ 30 bilhões sob custódia até o fim de 2024 e nos próximos anos chegar a R$ 100 bilhões de ativos sob custódia. Nos últimos anos, o volume de ativos na carteira passou de R$ 3 bilhões para os atuais R$ 14 bilhões.

Com a mudança de patamar, a Manchester enxergou a necessidade de construir um direcionamento estratégico integrado para guiar a expansão dos negócios nos próximos anos, mantendo a cultura da empresa e o comprometimento dos colaboradores com os seus objetivos.

A ideia é promover um amplo processo de transformação organizacional com a finalidade de preparar a empresa para o futuro, garantindo a sua perenidade. No decorrer de mais de cinco décadas de história, o escritório experimentou várias fases que culminaram nos últimos três anos num crescimento exponencial.

A competitividade acirrada no mercado de escritórios de investimentos, na visão de Baggenstoss, também exige adaptação de todos e a busca pelos melhores profissionais.

“O mercado financeiro vem passando por grandes mudanças. Aqui dentro, buscamos nos cercar de profissionais diferenciados e que encarem a Manchester não como um emprego, mas sim como um projeto de vida.”

O CEO acrescenta como relevante o fato de a Manchester ter um ecossistema completo de soluções para os clientes que possibilita a centralização da vida financeira no escritório, otimizando tempo e dinheiro através da estrutura oferecida.

 

 

Compartilhe