Em onde-investir / infomoney-responde

Quais os riscos de investir R$ 50 mil em uma LCI?

Douglas Warmeling, CFP, planejador financeiro certificado pelo IBCPF, responde a pergunta de leitora do InfoMoney

Real - Bloomberg
(Diego Giudice/Bloomberg News.)

Pergunta

Possuo duas dúvidas: Quais são os riscos de investir R$ 50 mil em LCI?  Comprar dólar ou libra com essa cotação alta vale a pena?

Leitora: Cristiana

Resposta de Douglas WarmelingCFP, Planejador Financeiro Certificado pelo IBCPF

Cristiana, vamos dividir sua pergunta em duas partes, primeiramente respondo em relação aos riscos de se investir em LCI.

A LCI, letra de crédito imobiliário, é um titulo de crédito que tem lastro no financiamento de imóveis, é um titulo garantido por hipoteca e alienação fiduciária do imóvel. Instituições financeiras emitem estes para captar recursos, sendo estas responsáveis por honrar os títulos junto aos investidores.

Os principais riscos que envolvem estes investimentos são:

Risco de crédito: está relacionado com a capacidade do emissor em honrar o compromisso. As LCIs, assim como outros títulos de renda fixa, contam com garantia do Fundo Garantidor de Créditos (FGC), que garante até R$ 250.000,00 considerando o principal mais juros, por CPF, contra a mesma instituição financeira associada.

Risco de mercado: é a possibilidade de perdas em decorrência de flutuações nos índices de mercado, como inflação e taxa de juros. Este fator esta relacionado às variações macroeconômicas, mais especificamente a política monetária e fiscal.

Risco de prazo e liquidez: quanto menor o prazo do ativo, menor tende a ser a volatilidade, o que diminui o risco. Toda LCI possui prazo mínimo de vencimento, que pode variar de acordo com cada titulo, sendo no mínimo 90 dias. Não é possível realizar o resgate antes do prazo previamente acordado, portando, se você vier a precisar do dinheiro, terá que esperar o vencimento do titulo.

Em todo e qualquer tipo de investimento se corre riscos, não há como eliminá-lo 100%, independente de instituição. Por isso é recomendado que diversifique sua carteira.

Respondendo especificamente sua pergunta, como deseja investir um valor inferior à de R$ 250 mil está isenta do risco de crédito. Para reduzir o risco de mercado é necessário a diversificação nos indexadores, comprando ativos atrelados ao CDI, IPCA e/ou prefixados. Outros pontos para analisar são a liquidez e o prazo, pois sempre que se abrir mão destes fatores é possível uma melhor rentabilidade. É comum ser vantagem abrir mão desta variável para melhorar a rentabilidade.

Com relação à segunda pergunta, se vale a pena comprar dólar ou libra nesta cotação.

Para respondê-la são necessárias algumas informações: por qual motivo quer comprar as moedas? Ira viajar? Se sim, quando? Quanto irá precisar? Se não, tem algum plano no futuro de utilizar esse recurso em moeda estrangeira? Esse investimento é apenas obter ganhos com eventual valorização da moeda? Ou quer apenas diversificar a carteira de ativos?

Após responder a estas perguntas ainda é necessário ponderar que hoje temos uma taxa de juros alta, e para qualquer tipo de risco que assuma é necessário analisar o custo de oportunidade.

Recomendo a você que procure um profissional certificado para lhe ajudar, ele poderá lhe auxiliar em eventuais duvidas e sugerir as alternativas mais adequadas ao seu perfil de investidor.

Douglas Warmeling, é planejador financeiro pessoal e possui a certificação CFP® (Certified Financial Planner), concedida pelo Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros (IBCPF). 

As respostas refletem as opiniões da autora. O IBCPF e o Infomoney não se responsabilizam pelas informações acima ou por prejuízos de qualquer natureza em decorrência do uso destas informações.

Perguntas devem ser feitas por meio da plataforma Ganhe Mais. Cadastre-se gratuitamente e tire suas dúvidas com planejadores certificados e capacitados.


Conheça mais sobre a IBCPF, Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros
http://www.ibcpf.org.br/

 

Contato