Aplicações

Ibovespa sobe 10% e é o melhor investimento de abril

Pior investimento do mês foi o ouro, com queda de 7,57%

SÃO PAULO – O Ibovespa (principal índice da Bolsa de São Paulo) foi o melhor investimento do mês de abril. O índice de ações subiu 9,93% no mês passado, impulsionado principalmente por conta da melhora na crise política e pelo rali das ações da Petrobras, que culminou com a divulgação de seu balanço auditado. Apesar de o Ibovespa ser um índice e não um produto de investimento, é possível replicar sua carteira por meio de fundos de índice (ETF) ou fundos de ações.

Em segundo lugar como aplicação mais rentável ficou o Tesouro IPCA+ com vencimento em 2050, com alta de 6,33%. A terceira posição fica com o Tesouro IPCA+ com vencimento em 2035: desempenho positivo de 4,38%.

Já a última posição ficou com o Ouro, com queda de 7,57%, seguida pelo dólar, com recuo de 5,57% e o Tesouro IPCA+ com vencimento em 2017, com alta de 0,45%.

No acumulado de 2015 até agora, o Ibovespa também foi a melhor aplicação, com alta de 12,44%, seguido pelo ouro, com desempenho positivo de 11,93%. Já o dólar acumula alta de 10,59%.

Confira na tabela abaixo a rentabilidade dos investimentos de abril:

AplicaçãoRentabilidade no mês
Ibovespa9,93%
Tesouro IPCA+ (15/08/2050)6,33%
Tesouro IPCA+ (15/05/2035)4,38%
Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (01/01/2025)3,62%
IFIX3,71%
Tesouro Prefixado (01/01/2018)1,57%
Tesouro IPCA+ (15/08/2020)1,26%
Tesouro Selic (15/05/2017)0,91%
CDI0,95%
Poupança0,61%
Tesouro IPCA+ (15/05/2019)0,53%
Tesouro IPCA+ (01/01/2017)0,45%
Dólar-5,57%
Ouro-7,57%

Confira também a rentabilidade dos investimentos em 2015 até agora:

AplicaçãoRentabilidade no ano
Ouro+11,93%
Ibovespa+12,44%
 Dólar+10,59%
Tesouro IPCA+ (15/08/2050)+8,01%
Tesouro IPCA+ (15/05/2035)+6,89%
Tesouro IPCA+ (15/08/2020)+5,44%
Tesouro IPCA+ (15/05/2019)+5,11%
Tesouro IPCA+ (01/01/2017)+4,39%
IFIX+4,57%
Tesouro Selic (15/05/2017)+3,62%
Tesouro Prefixado (01/01/2018)+3,42%
CDI+3,78%
Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (01/01/2025)+2,67%
Poupança+2,44%