Em onde-investir / fundos-de-investimento

Ouro valoriza 17,2% e termina o semestre como melhor investimento

Já no mês, a maior rentabilidade ficou com o índice de fundos imobiliários, o IFIX

Moeda de ouro
(Divulgação)

SÃO PAULO – O ouro foi o melhor investimento do primeiro semestre de 2015, com alta de 17,26%. Em junho, no entanto, o metal registrou desvalorização de 2,47%. O segundo lugar ficou com o dólar, que valorizou 17% nos primeiros seis meses do ano. O investimento em dólar é feito principalmente por meio de fundos cambiais.

Já o terceiro investimento mais rentável foi o Tesouro IPCA+ com vencimento em 2050, com alta de 10,79%. O pior investimento do semestre foi a poupança, com valorização de 3,76%. 

Já no mês de junho, a melhor rentabilidade ficou com o IFIX, índice composto pelos fundos imobiliários negociados na bolsa brasileira, com alta de 3,03. O segundo melhor investimento foi o CDI (certificado de depósito interbancário), que baliza a maioria das aplicações de renda fixa pós-fixadas, com alta de 1,07%.

 

 Confira na tabela abaixo a rentabilidade dos investimentos de junho:


Aplicação Rentabilidade no mês
IFIX 3,03%
CDI 1,07%
Tesouro Selic (01/03/2021) 0,84%
Ibovespa 0,61%
Poupança 0,6%
Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (01/01/2025) -1,51%
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/08/2050) -2,96%
Tesouro IPCA+ (15/05/2035) -4,90%
Tesouro IPCA+ (15/05/2019) 0,03%
Tesouro Prefixado (01/01/2018) -0,43%
Dólar -2,46%
Ouro -2,47%

Confira também a rentabilidade dos investimentos em 2015 até agora:

Aplicação Rentabilidade no ano
Dólar 17%
Ouro 17,26%
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/08/2050) 10,79%
Tesouro IPCA+ (15/05/2035) 10,61%
IFIX 9,28%
Tesouro IPCA+ (15/05/2019) 7,39%
CDI 5,92%
Ibovespa 6,15%
Tesouro Selic (01/03/2021) -
Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (01/01/2025) 4,62%
Tesouro Prefixado (01/01/2018) 4,85%
Poupança 3,76%

 

Contato