Cresce a participação de pessoa física na bolsa em janeiro

No entanto, investidores de varejo ainda estão na terceira posição no ranking de participação da bolsa, com 21,77%

SÃO PAULO – As pessoas físicas somaram, em janeiro, 21,77% dos investimentos em ações, incluindo os investidores individuais (20,45%) e clubes de investimento (1,32%).

Com o resultado, apesar da alta com relação a dezembro, quando a participação deles era de 20,46%, os investidores de varejo mantiveram a terceira posição no ranking de participação na BM&F Bovespa por tipo de investidores, atrás de estrangeiros e institucionais.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (2) pela BM&F Bovespa. De acordo com os números, o investidor pessoa física foi responsável por 10,96% das compras e 10,81% das vendas no período entre 3 e 31 de janeiro.

Outros investidores
Em números, do volume total acumulado em compra e venda – R$ 258,229 bilhões –, o investidor pessoa física foi responsável por R$ 56,202 bilhões, como mostra a tabela abaixo:

Participação dos investidores na bolsa
Tipo de investidorComprasVendas
Em R$Participação (%)Em R$Participação (%)
Pessoa Física28,290 bilhões10,9627,912 bilhões10,81
Institucional43,030 bilhões 16,6643,739 bilhões16,94
Estrangeiro45,080 bilhões17,4644,678 bilhões17,30
Empresas Públicas e Privadas2,017 bilhões0,782,007 bilhões0,78
Instituições Financeiras10,464 bilhões4,0510,728 bilhões4,15
Outros231,562 milhões0,0948,758 milhões0,02