Ações

Como comprar ações da Vivara (VIVA3); passo a passo para investir

Maior joalheria do Brasil tem 10% de fatia de mercado e um processo verticalizado, mas cotação do ouro é um fator de risco

vivara loja shopping jóias joalheria
(divulgação)

SÃO PAULO – A Vivara (VIVA3) é a maior joalheria do Brasil, com 10% da participação do mercado e uma oferta diversificada de produtos. A empresa foi fundada por David Kaufman como um negócio familiar em 1962 e se consolidou no mercado em 1974 quando o filho de David, Nelson Kaufman, assumiu como presidente.

A companhia atualmente conta com 240 lojas físicas e uma plataforma de e-commerce que responde por 6,5% das vendas. O faturamento anual médio é de R$ 1,4 bilhão, sendo que 81% do que é vendido são produtos de ouro, 17% são relógios e 2% são acessórios diversos.

O negócio da joalheria tem duas marcas principais, que são Vivara, especializada em produtos de ouro e que foca em um público mais maduro e acostumado a comprar jóias, e Life by Vivara, que tenta atrair clientes mais jovens com propagandas direcionadas e uma linha de mercadorias de prata mais acessíveis.

O que saber antes de comprar

A Vivara abriu capital em 9 de outubro de 2019, levantando R$ 2,29 bilhões junto aos investidores. O mercado precificou as ações da empresa a R$ 24,00. Desse total, R$ 454 milhões foram recursos primários, ou seja, aqueles direcionados à própria companhia.

Como é uma estreante na Bolsa, a Vivara ainda não tem um histórico de comparação dos seus resultados ou uma evolução do seu valor de mercado, mas há alguns pontos a se destacar para quem quiser investir na companhia.

Concorrência

O primeiro é o cenário da concorrência. As principais rivais da joalheria são a H.Stern, que conta com 44 lojas, fatia de mercado (em inglês, market share) de 2% e faturamento de R$ 220 milhões em 2018, a Monte Carlo (40 lojas, share de 1,2% e receita de R$ 130 milhões) e a dinamarquesa Pandora (98 lojas e receita de R$ 256 milhões).

Em relação a essas companhias, a Vivara tem a vantagem de ser a mais verticalizada, uma vez que ela produz as próprias jóias em uma fábrica localizada na Zona Franca de Manaus. Como não precisa comprar essas mercadorias de terceiros, a empresa leva um tempo menor entre a criação de um produto e sua distribuição em uma loja.

A verticalização também permite que a joalheria troque as coleções com mais frequência que suas rivais. Dentre as rivais, a H.Stern é a única cujo modelo de atuação é semi-verticalizado.

Vale ficar de olho também no plano da Vivara de abrir 514 novas lojas até 2024. Analistas entendem que essa expansão sustentará um crescimento nas vendas, na geração de caixa e nos lucros da empresa. Por outro lado, há riscos a se levar em conta quando analisamos o caso da companhia.

Espaço físico e preço do ouro

O ambicioso plano de abrir 238 novas lojas Vivara, 219 lojas Life e 57 quiosques esbarra no espaço físico disponível nos shoppings center brasileiros. O lado bom é que as lojas da joalheria costumam ser pequenas, ocupando uma área média de 90 m².

Uma outra preocupação é o preço da principal matéria-prima da empresa: o ouro. Como toda commodity, o ouro tem uma cotação bastante volátil. No primeiro semestre de 2019, a margem bruta da Vivara caiu 2,1 pontos percentuais devido à alta na cotação do ouro desde novembro de 2018.

Por outro lado, a renovação frequente das coleções permite que a Vivara cobre uma margem maior sobre seus produtos, garantindo o repasse de elevações no valor do ouro com mais facilidade. É claro que isso não isenta a companhia de sofrer com choques no metal, mas permite pelo menos alguma vantagem sobre as concorrentes em situações adversas.

Leia também:
• Os 5 melhores home brokers do país, segundo investidores

Passo a passo para comprar 

Confira as três etapas fundamentais para começar a investir na empresa:

1. Pense nos seus objetivos de investimento

Qual é seu objetivo para os recursos que pretende investir nas ações da Vivara? Existe uma diferença muito grande entre as principais estratégias. É possível investir de olho nos ganhos de curto prazo. É o caso quando as cotações recuam de maneira repentina, em resposta a um evento imediato que não tenha impacto para a empresa no futuro. Essa pode ser uma chance de comprar as ações a um preço mais baixo.

É uma situação diferente de quem compra ações visando o longo prazo. Normalmente, essas pessoas têm a motivação de se tornar sócios de fato da empresa – e ganhar dinheiro conforme ela cresce e lucra.

Só depois de escolher uma dessas duas estratégias distintas você será capaz de definir quando, quanto e a que preço comprar ações da Vivara.

2. Estude perspectivas para a Vivara

Vivara está inserida em um mercado que possui desafios específicos. Quais são as chances de que a empresa consiga se posicionar para crescer nele? Sozinho, você talvez não consiga responder essa pergunta. Então, busque ajuda em corretoras e casas de análise, que costumam disponibilizar relatórios de análise das companhias listadas na bolsa de valores.

No material, os analistas normalmente traçam um perfil das empresas e também avaliam seus resultados financeiros. Depois, emitem uma opinião: se acham que é hora de comprar ou de vender as ações. Também podem indicar “manter”. Em linhas gerais, para quem não tem os papéis na carteira, é um sinal para evitar comprá-las naquele momento.

3. Tenha uma conta em uma corretora

Para enviar ordens de compra e de venda para o pregão, os investidores precisam da intermediação de uma corretora. Por isso, é necessário ter conta aberta em uma delas para investir nas ações da Vivara. Existem mais de 80 instituições autorizadas pela B3.

É importante verificar o valor das taxas de corretagem antes de escolher a sua corretora. Trata-se de um valor cobrado cada vez que alguém compra ou vende uma ação. Pode ser fixo, em reais, ou um percentual sobre a operação. Há casas, como a Clear, que não fazem essa cobrança.

Para que a corretora execute a sua ordem de comprar ações da Vivara, é necessário colocar dinheiro na conta. Isso é feito por meio de uma transferência (TED ou DOC) a partir do seu banco. Depois, basta acessar o home broker – sistema de negociação online – ou contatar a mesa de operações pelo telefone para passar seu pedido.

Será preciso informar a quantidade de ações que pretende adquirir e a que preço. Então, é só esperar até um investidor que possua papéis da Vivara aceitar a oferta.

 Invista em ações com taxa ZERO de corretagem: abra uma conta gratuita na Clear