Ações

Como comprar ações da Usiminas (USIM3, USIM5 e USIM6); passo a passo para investir

Entenda o que pode impactar o negócio de uma das maiores produtoras de aço do Brasil

Aprenda a investir na bolsa

A Usiminas (USIM3, USIM5, USIM6) é uma empresa verticalizada do setor siderúrgico com operações na extração, transporte e distribuição do minério e n a transformação do mineral em aços customizados para a indústria.

Fundada em 1962, a companhia mantém sua sede em Belo Horizonte, em Minas Gerais, estado onde possui três áreas de mineração e duas usinas de aço em Ipatinga.

A Usiminas é dona de siderúrgica e área anexa no porto de Cubatão, em São Paulo, além de logística para escoar a produção nos portos de Tubarão (ES) e Itaguá (SP).

Com capacidade de produzir 9,5 milhões de toneladas de aço bruto por ano, a Usiminas é uma das maiores produtoras de aços planos no Brasil, com fornecimento de matéria-prima para setores da economia como construção civil, máquinas e equipamentos, petróleo e gás, geração de energia, automotivo e linha branca.

O que saber antes de comprar

A Usiminas sofreu nos últimos anos com a queda do consumo interno provocada pela longa e profunda recessão do Brasil, que derrubou a demanda por seus produtos. Essa pressão negativa foi amplificada por um ambiente de superoferta global de aço, o que fez a empresa amargar fortes prejuízos e precisar reestruturar sua dívida, o que derrubou seu valor de mercado, como pode ser visto no gráfico abaixo.

A Usiminas distribuiu dividendos de maneira irregular nos últimos anos como consequência de trimestres consecutivos de prejuízo ter obrigado a empresas segurar o pagamento de proventos aos acionistas. A retomada da empresa a partir de 2017 possibilitou a recuperação dos pagamentos aos acionistas como mostra o histórico abaixo:Quem quer comprar ações da Usiminas deve estar atento aos desafios da companhia e os principais fatores que influenciam o papel.

Ano Data de pagamento Tipo Ação Vlr. por Ação R$
2018 julho Ord. 0,010294125 JCP
Pref. 0,011323538
2018 julho Ord. 0,062634317 Dividendos
Pref. 0,068897749
2018 julho Ord. 0,071989 JCP
Pref. 0,079188
2017 julho Ord. 0,043211 Dividendos
Pref. 0,047532
2014 julho Ord. 0,029698 Dividendos
Pref. 0,032668
2011 julho Ord. 0,078769 JCP
Pref. 0,086646
2010 julho Ord. 0,136908 JCP
Pref. 0,150599
2010 julho Ord. 0,172041 JCP
Pref. 0,189246
2010 julho Ord. 0,22226 JCP
Pref. 0,244485
2009 agosto Ord. 0,13975 Dividendos
Pref. 0,15373
2009 agosto Ord. 0,5948 JCP
Pref. 0,65428
2009 agosto Ord. 0,17358 JCP
Pref. 0,19094
2008 agosto Ord. 0,45159 Dividendos
Pref. 0,49675
2008 agosto Ord. 0,72419 JCP
Pref. 0,79661
2008 agosto Ord. 0,28046 Dividendos
Pref. 0,3085
2008 agosto Ord. 0,73964 JCP
Pref. 0,8136
2007 agosto Ord. 0,85827 Dividendos
Pref. 0,9441
2007 agosto Ord. 0,90958 JCP
Pref. 1,00054
2007 agosto Ord. 0,75738 Dividendos
Pref. 0,83312
2007 agosto Ord. 1,43823 JCP
Pref. 1,58206
2006 agosto Ord. 0,86901 Dividendos
Pref. 0,95592
2006 agosto Ord. 1,30354 JCP
Pref. 1,4339
2006 agosto Ord. 1,52079 JCP
Pref. 1,67287
2005 agosto Ord. 1,1298 JCP
Pref. 1,2428
2005 setembro Ord. 1,3284 Dividendos
Pref. 1,4613
2005 setembro Ord. 1,2167 JCP
Pref. 1,3384
2005 setembro Ord. 1,1712 Dividendos
Pref. 1,2883
2004 setembro Ord. 0,5388 JCP
Pref. 0,5927
2004 setembro Ord. 2,93208 Dividendos
Pref. 3,22529
2004 setembro Ord. 1,17318 JCP
Pref. 1,2905
2003 setembro Ord. 0,1995 Dividendos
Pref. 0,2195
2003 setembro Ord. 1,1977 JCP
Pref. 1,3175
2003 setembro Pref. 0,4103 JCP
Ord. 0,373
2001 setembro Pref. 0,24398 JCP
Ord. 0,22179
2001 setembro Pref. 0,2245 JCP
Ord. 0,2041
2000 setembro Pref. 0,2634928 JCP
Ord. 0,2395389
2000 setembro Pref. 0,1951796 Dividendos
Ord. 0,177436

 

Atividade da indústria, construção e vendas do varejo

A Usiminas produz o aço que é matéria-prima para diversos setores da economia diretamente conectados ao consumo e poder de compra do brasileiro. Se a economia vai mal, são boas as chances de o mercado punir a ação da empresa.

Dados do varejo e do setor automotivo são importantes sinais para a demanda por produtos da Usiminas, dado que esses são grandes consumidores de aços planos laminados e galvanizados. Afinal, sua geladeira, máquina de lavar e seu automóvel são construídos com diferentes tipos de aço.

A retomada do setor de construção civil e as grandes obras de infraestrutura são bons sinalizadores de um possível aumento de vendas para a Usiminas. Esses setores aquecem a demanda por chapas grossas de aço para produção de máquinas e equipamentos, estruturas civis, tubos e edifícios.

Crescimento global e preço do aço na China

Apesar de seu foco ser o mercado interno, responsável por 90% da receita, a Usiminas está exposta ao mercado de commodities global sempre de olho nos preços de minério de ferro e do aço.

O aumento do preço do minério de ferro tem um efeito duplo nas receitas da Usiminas. Se por um lado a alta aumenta o custo de produção do aço e espreme as margens da principal área da companhia, por outro, a receita de venda do braço minerador da Usiminas sobe.

Para formar o preço interno do aço, a cotação no mercado externo é a principal referência na negociação com os consumidores nacionais. Então, atenção aos preços lá fora, especialmente na China, que detém mais da metade da capacidade de produção global de aço e tem fechado diversas unidades para controlar a poluição e segurar a sobreoferta.

A desaceleração na China ou na economia global pode afetar negativamente os preços do aço, o que pressiona as receitas e margens da Usiminas. Como os valores das commodities são dolarizados, uma mudança de patamar do dólar contra o real também tem impacto forte no balanço da companhia.

Se o preço lá fora mudar e a demanda interna estiver aquecida, a Usiminas consegue repassar aumentos e fechar o chamado ‘spread metálico’ – a relação entre o valor do aço nas bolsas de futuro do mercado internacional e aquele que a Usiminas e as concorrentes cobram aqui.

Então, é preciso acompanhar também as concorrentes. Se Gerdau ou CSN anunciarem aumento – ou redução – no preço do aço para seus clientes é porque há espaço para mudanças no valor no mercado interno e as empresas tendem a seguir o movimento das competidoras

Desinvestimentos, capex e endividamento

A Usiminas está em busca de compradores para a Musa, braço de mineração do grupo, que pode valer mais de R$ 1 bilhão. A siderúrgica pretendia ter concluído a negociação ao longo de 2019, mas o estouro da barragem de Brumadinho, da Vale, provocou uma insegurança jurídica e afastou os potenciais compradores.

A companhia detém 70% da Musa e tem como sócio o grupo japonês Sumitomo, que possui direito de preferência para a aquisição da parcela da Usiminas. A venda do ativo é uma das prioridades da Usiminas para reduzir seu endividamento de mais de R$ 5 bilhões.

Apesar de ter contribuído consideravelmente nos recentes resultados da Usiminas, o setor de mineração irá requerer investimentos pesados nos próximos anos para manter a produção de minério de ferro, o que pressiona as perspectivas de caixa da empresa.

Passo a passo para comprar ações da Usiminas

As ações da Usiminas são bastante voláteis e apresentam um dos comportamentos mais descolados do Ibovespa, dada a precificação dos produtos em uma combinação do mercado de commodities e a demanda interna.

1. Defina seus objetivos e o apetite por risco

Ao comprar uma ação, o investidor aposta no sucesso do negócio e o setor que a empresa está inserida. A Usiminas ganha – e as ações sobem – com o crescimento do Brasil e do mundo, mas os riscos associados à produção de aço podem fazer sua ação variar bruscamente se o mercado entender que as margens da empresa podem ficar pressionadas nos próximos meses e anos.

Se o objetivo de seu investimento for de longo prazo e o seu estômago aguenta variações fortes na cotação da ação, a Usiminas pode ser uma boa adição ao seu portfólio.

2. Entenda o setor de siderurgia

A Usiminas é, no fundo, uma empresa que produz matéria-prima para que outras indústrias, como a automobilística, linha branca e construção civil, possam entregar o produto ao consumidor final. Quanto mais aquecida for a demanda por esses produtos, mais aço o setor siderúrgico deverá vender, aumentando as receitas, margens, lucro e a cotação da ação, claro.

Diversos fatores não controláveis afetam o negócios e trazem volatilidade ao negócio da Usiminas, como as regras ambientais e a desaceleração da economia chinesa, além do próprio câmbio.

Analistas locais e globais costumam a cobrir intensamente o setor e traçam as tendências macro de preço no mercado internacional e podem dar sinais importantes para a ação e a sua posição frente às concorrentes.

3. Tenha uma conta em uma corretora

Antes de comprar ou vender ações, é preciso ter uma conta em uma corretora. Mas isso é simples de fazer: basta se cadastrar pela internet e enviar pelo celular ou computador os documentos de identificação e renda para que sua conta seja aprovada.

Pesquise quais são as melhores corretoras e as taxas cobradas para adquirir ou se desfazer de papéis. Quanto menor for a taxa, menor vai ser a mordida em seu patrimônio e lucros. Algumas corretoras, como a Clear, não cobram tarifas para que as suas ordens sejam executadas e esse dinheiro ficará no seu bolso.

Com a conta aprovada e a senha liberada, basta fazer uma transferência bancária (DOC ou TED) para a conta de sua corretora e em pouco tempo o dinheiro estará disponível para sua primeira compra de ação. E isso pode ser feito facilmente pela internet ou até mesmo por telefone.

Invista em ações com taxa ZERO de corretagem: abra uma conta gratuita na Clear