Expert Pass

Com mercado desafiador, saiba como se proteger investindo em opções

Plataforma da XP te ajuda a aprender como investir e, depois disso, como aportar seu capital nos ativos mais rentáveis e adequados ao seu perfil

(Getty Images)

Ao mesmo tempo em que é um ambiente propício para multiplicar seu patrimônio no longo prazo, o mercado financeiro também carrega certos riscos no curto prazo. É claro que isso começa com a diferenciação entre bons e maus investimentos, consoante sua rentabilidade e tendo em conta o perfil de risco do investidor.

Como complemento, há fatores externos que também influenciam a performance da modalidade. Talvez o exemplo mais direto seja o Tesouro Selic, título de dívida do governo em que o retorno recebido pelo investidor depende da variação da taxa básica de juros até o vencimento do papel.

Mas essa influência também pode ser mais indireta. Quando se fala de ações, por exemplo, analistas costumam referenciar fatores ‘micro’ (tudo que diz respeito às empresas em si, como saúde financeira, investimentos, expectativa de crescimento) e ‘macro’ (aspectos conjunturais que influenciam o mercado como um todo).

Nos últimos dois anos, inclusive, estes elementos externos têm tido uma influência gigantesca sobre o resultado de muitos investimentos. A volatilidade começou com a chegada do novo coronavírus, que tirou quase metade do valor do Ibovespa (o índice estava próximo dos 120 mil pontos e tombou até os 63.570).

Desde então, seja em momentos positivos, quando o índice superou os 130 mil pontos em junho em 2021, ou negativos, quando caiu para 108 mil em setembro do mesmo ano, houve uma influência muito mais forte de fatores externos do que propriamente uma oscilação forte na performance das companhias listadas.

Internamente, os investidores têm hoje algumas fontes claras de preocupação: o avanço da inflação, incertezas sobre a saúde fiscal do país, o agravamento de uma crise hídrica que prejudica e encarece o abastecimento energético e, um pouco mais longe no horizonte, as eleições presidenciais de 2022. 

Isso sem falar de questões externas, como uma possível desaceleração do crescimento da China, que pode ter repercussões diretas no Brasil já que a potência asiática é uma das principais parceiras comerciais do país e consome boa parte das commodities produzidas por aqui. 

Ou seja, se investir sempre requereu uma análise do ativo em si e também da conjuntura ou seu redor, este processo decisório está ainda mais complexo agora. O investidor precisa se cercar de boa informação, e por vezes adotar uma postura mais defensiva, para conseguir rentabilizar seu capital.

Utilizando o exemplo do mercado acionário, uma forma eficaz de fazer isso é através de opções, já que é possível acumular ganhos investindo apenas uma pequena parcela do que seria gasto caso decidisse comprar as ações de fato através de ferramentas como trava de alta, trava de baixa, borboleta…

E foi justamente pensando em dar todos os instrumentos para embasar a decisão do investidor que a XP lançou o Expert Pass, solução que vai auxiliar a captar as oportunidades mais promissoras no mercado financeiro por meio de conteúdo online exclusivo sobre Ações, como viver de renda, investimentos fora do Brasil e muito mais.

O consumidor paga doze parcelas mensais de R$ 34,90, com um desconto em carteiras de investimentos, trilhas educacionais e outros benefícios – chegando a R$ 6.414. A assinatura dá acesso a uma plataforma 100% online com diversos conteúdos, como cursos, lives e outras formações. Além disso, também poderá consultar sete carteiras de investimentos, de diferentes perfis, elaboradas pelos analistas da própria XP.

Leia também: 7 aliados para navegar na volatilidade financeira de 2022

Para os mais experientes, que tomam suas próprias decisões de investimento, o serviço oferece ainda acesso exclusivo à opinião qualificada destes analistas, ajudando a aprofundar e fundamentar suas próprias análises. Há ainda uma comunidade de investidores no Telegram para trocar experiências com outros investidores.

Sabendo que não dá para esperar 2022 começar para estar pronto para aproveitar as melhores oportunidades e transformar 2022 em um bom ano para os investimentos, é preciso começar agora, Descubra, então, o plano completo da XP que vai te ajudar a chegar preparado para tudo.

Para saber mais, Jennie Li, estrategista da XP, preparou o curso gratuito Protocolo XP: 2022, que mostra exatamente o plano de ação da corretora para te ajudar a conseguir transformar os desafios de 2022 em ótimas oportunidades de investimento. Inscreva-se clicando aqui.