milionários

Clientes private investem mais em ações no primeiro semestre

Em dezembro de 2011, o total aplicado era de R$ 62,907 bilhões e em junho deste ano chegou a R$ 64,457 bilhões

Por  Gabriella D'Andréa

SÃO PAULO – A carteira de renda variável dos clientes private (com investimentos acima de R$ 1 milhão) aumentou no primeiro semestre deste ano, de acordo com dados da Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais).

De janeiro a junho, o portfólio desses clientes cresceu 2,46%, passando de R$ 62,907 bilhões para R$ 64,457 bilhões.

O relatório mostra que  o portfólio de ações aumentou 3,12% para R$ 62,736 bilhões, enquanto que o total investido em clubes de investimento diminuiu 16,76% para R$ 1,721 bilhão.

Fundos de investimentos
Ainda segundo a Anbima, o total aplicado em fundos abertos de investimentos pelos clientes private aumentou em 21,6% no semestre de 2012, ao passar de R$ 89,464 bilhões em dezembro do ano passado para R$ 101,562 bilhões em junho deste ano.

Segundo a entidade, a maior parte dos investimentos (R$ 85,321 bilhões) está em “fundos próprios” – quando o banco investe em fundos geridos pela própria instituição onde o cliente private possui conta. Já R$ 16,240 bilhões estão aplicados em “fundos terceiros” – quando o valor é investido em assets de instituições diferentes.

Compartilhe