Menor otimismo

BlackRock alerta para impacto de impostos sobre ações dos EUA

Ações da Europa e do Japão podem ser vencedoras, segundo estrategistas, e essas regiões também enfrentam menor risco de tributação extra

Por  Bloomberg -

(Bloomberg) – Estrategistas do BlackRock Investment Institute estão menos otimistas em relação ao mercado acionário dos Estados Unidos, pelo menos no curto prazo.

O risco de impostos mais altos, regulamentação mais rigorosa e potencial de crescimento econômico mais rápido em outros países desenvolvidos diminuiu o apelo do mercado americano, disseram estrategistas liderados por Wei Li em relatório.

“Vemos as ações em mercados desenvolvidos fora dos EUA como mais bem posicionadas para capturar a retomada econômica ao longo do horizonte tático, conforme o poderoso reinício se amplia”, escreveram. “Impostos potencialmente mais altos e mais regulamentações podem representar desafios para o forte desempenho das ações dos EUA.”

O S&P 500 é negociado em máxima histórica depois de subir mais de 90% em relação à mínima de março de 2020, levando investidores a pesar os possíveis riscos para o rali e a considerar outros mercados que não subiram tanto.

Ações da Europa e do Japão podem ser vencedoras na fase atual de aposta na recuperação, segundo os estrategistas, e essas regiões também enfrentam menor risco de tributação extra e mais regulamentação em comparação com os EUA.

Os estrategistas da BlackRock dizem que se o governo Biden conseguir impor um imposto corporativo de 28% e uma alíquota global mínima de 21%, isso reduziria o lucro por ação para o S&P 500 em 7% no próximo ano. Ao mesmo tempo, esperam que o possível aumento de impostos seja mais moderado.

Embora as ações dos EUA possam ser pressionadas, os estrategistas ainda preferem empresas de pequena e média capitalização do país, pois estas são menos propensas a serem afetadas por impostos e regulamentações com alvo em grandes multinacionais.

No entanto, em um horizonte de seis a 12 meses, os estrategistas da BlackRock estão overweight (recomendação acima da média) em ações dos EUA e do Reino Unido, neutros na zona do euro e underweight (abaixo da média) no Japão.

As estratégias dos melhores investidores do país e das melhores empresas da Bolsa, premiadas num ranking exclusivo: conheça os Melhores da Bolsa 2021

Compartilhe