relatórios de sustentabilidade

Apenas 21% das empresas listadas na Bolsa divulgam relatórios de sustentabilidade

Os números fazem parte do relatório "Relate ou Explique", apresentado pela BM&FBovespa durante a Rio + 20

SÃO PAULO – Das 448 empresas de capital aberto listadas na BM&FBovespa, apenas 96 (21,43%) publicam relatórios de sustentabilidade ou similares. Do restante, 107 não publicam, mas justificam a ausência do relatório (23,88%) e 245 não se explicaram (54,69%).

Os números fazem parte do “Relate ou Explique”, relatório apresentado pela BM&FBovespa durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio + 20. A iniciativa tem como objetivo estimular as empresas listadas na bolsa a reportar informações relacionadas à sustentabilidade.

Analisando as 94 empresas que compõe o IBrX – Índice Brasil, 49 divulgam seu relatório (52,13%), 22 não publicam, mas justificam (23,40%) e 23 não se manifestaram (24,47%).

O IbrX – Índice Brasil mede o retorno de uma carteira teórica composta pelas 100 ações mais negociadas na Bovespa.

“Relate ou Explique”
Criado no final do ano passado, o relatório criado pela BM&FBovespa busca tornar o mercado transparente e informar os stakeholders (especialmente investidores e analistas) em relação aos disclosure das companhias em geral, através da publicação de dados sustentáveis.

As empresas tinham até o final de maio para divulgar suas informações em um relatório de sustentabilidade ou informações socioambientais em seu relatório anual.