Em onde-investir / acoes

Taxa de corretagem pode prejudicar ganhos com minicontratos; como fugir desse custo?

Possibilitando investimento a partir de R$ 40 reais, este formato de investimento é atraente para o investidor pouco capitalizado

Ações
(Shutterstock)

SÃO PAULO – Pagar taxa de corretagem pode ser um tiro no pé para quem opera minicontratos futuros.

O produto é bastante atraente para o investidor pouco capitalizado por possibilitar investimento a partir de R$ 25 como margem de alavancagem - mas justamente por esse foco, gastos com corretagem são particularmente prejudiciais já que podem representar um percentual muito alto do lucro da operação.

O que é a taxa de corretagem

A maior parte das corretoras cobram taxa de corretagem, que é utilizada para pagar os gastos operacionais com a B3.

As corretoras tendem a repassá-la para o cliente, mas já existem instituições que isentam o investidor desta taxa - o que faz uma grande diferença  para quem opera minicontratos futuros.

É o caso da Clear Corretora, que optou por zerar a taxa de corretagem em todas as suas operações, inclusive a de minicontratos, tornando este tipo de operação ainda mais vantajosa.

Além da corretagem zero, a Clear possui um sistema de gestão de risco onde a operação com minicontratos é zerada imediatamente caso um eventual prejuízo atinja um valor máximo de risco predeterminado pelo investidor.

O que são minicontratos

Contratos futuros são instrumentos que permitem a compra e venda de ativos em datas futuras. Os minicontratos correspondem a frações dos contratos cheios  e garantem acesso ao investidor menos capitalizado a este mercado.

A corretora oferece margem aos investidores para possibilitar valor de entrada muito mais em conta - ela custa atualmente em torno de R$ 25 no day trade.

Um contrato futuro cheio exige negociação de pelo menos 5 lotes onde cada ponto do índice representa um real. Com o Ibovespa a 80 mil pontos, por exemplo, a exposição mínima a contratos futuros de índice Ibovespa seria de R$ 400 mil.

Como o minicontrato equivale a 20% do contrato cheio, o investidor pode começar com R$ 80 mil. 

Os contratos futuros mais negociados no mercado são atrelados ao Ibovespa e ao dólar, mas também é possível investir em outros índices e moedas, soja, ouro, petróleo e etanol.

Invista em minicontratos com taxa ZERO de corretagem: abra sua conta de graça na Clear!

 

Contato