Em onde-investir / acoes

Carteira de dividendos ganha quase 3 vezes o Ibovespa em 1 ano; veja recomendações

Para abril, a Rico alterou três ativos do portfólio, ainda mesclando alguns considerados defensivos e outros voltados ao crescimento 

Alta
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A carteira recomendada de dividendos da Rico Investimentos acumula alta de 178,77% desde seu início, em abril de 2017, valor equivalente a 2,8 vezes o desempenho do Ibovespa no mesmo período. Em março, o portfólio subiu 1,51%, enquanto o Ibovespa ficou estagnado e o IDIV (Índice de Dividendos) subiu 1,1%

No mês passado, diante de forte volatilidade nos principais mercados globais, dois ativos da
carteira (Smiles e Usiminas) acabaram “pesando”. No entanto, com as fortes altas de IRB, Ambev e Santander, a carteira recomendada superou seus benchmarks no mês.

Para abril, a Rico alterou três ativos do portfólio, ainda mesclando alguns considerados defensivos, com foco no bom histórico de pagamento de dividendos, e aliando outros voltados ao crescimento e que têm apresentado consistência na entrega de resultados, privilegiando novamente a retomada da economia brasileira. Saíram as ações de Smiles, Fibria e Usiminas para dar lugar aos papéis de Telefônica, Sanepar e Gerdau. Veja como ficou a carteira de dividendos recomendada de abril:

Empresa Ticker
Telefônica VIVT4
Itaúsa ITSA4
Ambev ABEV3
Sanepar SAPR11
Gerdau GGBR4
Santander SANB11
Equatorial EQTL3
IRB IRBR3

O peso das ações no portfólio é equivalente a 12,5% por ação. Sendo assim, em uma carteira hipotética de R$ 100 mil, seriam alocados R$ 12,5 mil para cada ativo. 

A carteira tem o objetivo de oferecer uma alternativa para quem busca retornos consistentes e menor volatilidade no longo prazo. Por isso, é indicada para investidores mais conservadores.

Quer investir nessas ações? Clique aqui e abra uma conta na Rico 

 

Contato