Primeira aquisição

Zoom anuncia compra de empresa de mensagens criptografadas para alavancar segurança

Compra da Keybase faz parte dos planos de melhorias na criptografia da plataforma e é a primeira aquisição do Zoom

arrow_forwardMais sobre
Celular com app Zoom
(Photo by Smith Collection/Gado/Getty Images)
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Cercada de polêmicas em relação a sua política de privacidade e falta de criptografia de ponta a ponta, a Zoom anunciou hoje a compra da Keybase, um serviço seguro de compartilhamento de arquivos e mensagens.

Os termos da transação não foram divulgados pelas empresas, mas a aquisição acelera o plano do Zoom de criar criptografia de ponta a ponta que possa alcançar a atual escalabilidade do serviço. A tecnologia garante que os arquivos sejam cifrados permitindo somente que os envolvidos na transmissão tenham acesso ao conteúdo.

Os novos membros da equipe de engenharia de segurança do aplicativo irão contribuir para o plano de 90 dias do Zoom de identificar, abordar e aprimorar proativamente os recursos de segurança e privacidade de sua plataforma.

“Nossa equipe é apaixonada por segurança e privacidade e é uma honra poder trazer nossa experiência em criptografia para uma plataforma usada por centenas de milhões de participantes por dia”, disse Max Krohn, co-fundador e desenvolvedor da Keybase. 

Aprenda a investir na bolsa

A empresa, no mês passado, se comprometeu em solucionar os problemas de segurança, suspendendo o desenvolvimento de novos recursos e realocando o time de engenharia para trabalhar nessas questões.

Como parte do plano de aumentar a segurança, o Zoom criou um conselho formado pelos diretores de segurança da informação do HSBC, NTT Data, Procore e Ellie Mae para discutir questões de privacidade e tecnologia, além de ter contratado o ex-chefe de segurança do Facebook, Alex Stamos, para comandar as melhorias.

Um colegiado também foi formado para aconselhar o presidente-executivo, Eric Yuan, em questões de privacidade, com os chefes de segurança da VMware, Netflix, Uber e Electronic Arts.

“O primeiro passo é reunir a equipe certa. A Keybase traz profundo conhecimento em criptografia e segurança ao Zoom, e estamos felizes em receber Max e sua equipe. A contratação de um grupo coeso de engenheiros de segurança como esse faz avançar significativamente nosso plano de 90 dias para aprimorar nossos esforços de segurança”, afirmou Eric S. Yuan, CEO do Zoom. 

Newsletter InfoMoney
Informações, análises e recomendações que valem dinheiro, todos os dias no seu email:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.

PUBLICIDADE