MERCADOS AO VIVO Ação da Hidrovias do Brasil (HBSA3) estreia na B3 em queda

Ação da Hidrovias do Brasil (HBSA3) estreia na B3 em queda

Briga

Tesla processa condado da Califórnia para retomar as atividades de sua fábrica em meio à quarentena

Entrave acontece contra o condado de Alameda, onde fica a fábrica de Fremont.

Logo da Tesla em uma das suas lojas
(Shutterstock)

SÃO PAULO – A Tesla entrou com uma ação contra o condado de Alameda, na Califórnia, onde fica uma das suas principais fábricas. As operações da montadora em Fremont foram interrompidas em 23 de março por conta das medidas restritivas de distanciamento social impostas pelo governo local.

No processo, a Tesla alega que o desligamento ignora uma ordem anterior do governador da Califórnia, Gavin Newsom, que permite que empresas de 16 setores cruciais de infraestrutura, incluindo transporte, continuem trabalhando. A companhia descreve a decisão como inconstitucional e “inexplicável” e diz que “não há base racional” para o fechamento da instalação, segundo o site Business Insider. 

Na sexta-feira, autoridades locais disseram que a fábrica não poderia reabrir por causa dos esforços para combater a pandemia do novo coronavírus.

PUBLICIDADE

O CEO da Tesla, Elon Musk, ameaçou mudar a sede da montadora para o Texas ou Nevada como resultado da paralisação.

“Francamente, essa é a gota d’água”, disse Musk no Twitter. “A Tesla agora mudará sua sede e futuros programas para o Texas/Nevada imediatamente. “A manutenção das atividades em Fremont vai depender de como a Tesla será tratada no futuro. A Tesla é a última montadora que resta na Califórnia.”

No blog oficial da Tesla, a empresa disse que entregou informações detalhadas às autoridades do condado sobre como retornaria as atividades na fábrica priorizando a segurança dos seus funcionários.

“Temos um plano completo de retorno ao trabalho para todos os locais. Uma equipe de resposta multifuncional, incluindo um médico interno, trabalha diariamente para estabelecer diretrizes de saúde e segurança com base em avaliações de risco específicas de local e trabalho, e revisamos continuamente nossos processos para garantir que funcionem para nossos funcionários”.

Sem sucesso, a empresa entrou com um processo no último sábado (9) pedindo ao tribunal que invalidasse as ordens do condado.

“A posição do condado não nos deixou escolha a não ser tomar ações legais para garantir que a Tesla e seus funcionários possam voltar ao trabalho”, disse em comunicado.

Do outro lado, os legisladores de Alameda afirmam estar trabalhando coletivamente para desenvolver e implementar um plano de segurança que permita a reabertura da fábrica da Tesla.

“Precisamos continuar trabalhando juntos para que esses sacrifícios não sejam desperdiçados e que mantenhamos nossos ganhos. É nossa responsabilidade coletiva avançar nas fases de reabertura e afrouxamento das restrições de quarentena (foi utilizado o termo shelter-in-place) da maneira mais segura possível, orientada por dados e ciência”.

A Tesla rebateu informando que colaborou no plano de reabertura da companhia e acusou a agência de saúde do condado de estar tomando decisões sem retornar as ligações ou e-mails da empresa.

Newsletter InfoMoney – Informações, análises e recomendações que valem dinheiro, todos os dias no seu email:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.