Tecnologia e inovação

Terracotta: a empresa que aposta na revolução do setor imobiliário via startups

Ao investir em startups que são pautadas na tecnologia, a Terracotta aposta que esse tipo de empresa pode injetar muito dinamismo e liquidez no setor

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Na última quarta-feira (18), Ricardo Reis, professor do InfoMoney, conversou com Marcus Anselmo, co-fundador da Terracotta Ventures, uma empresa de venture capital que investe em startups do setor imobiliário, sobre a importância do investimento em ideias que podem melhorar o setor e os impactos da tecnologia na construção civil. Assista à entrevista acima:

Anselmo, que possui formação em computação, se apaixonou pela dinâmica e pelo impacto que o mercado imobiliário causa na sociedade e decidiu utilizar seus conhecimentos em tecnologia e negócios para melhorar os processos do setor imobiliário, criando uma empresa para investir em startups que possam boas ideias para o mercado de imoveis e de construção.

Aprenda a investir na bolsa

A Terracotta aposta que esse tipo de empresa pode injetar muito dinamismo e liquidez no mais elástico dos mercados – o imobiliário.

“Queríamos convergir esse proposito de tecnologia e construção para criar a Terracotta, com o propósito de dinamizar e tornar mais forte a cadeia imobiliária”, explica Anselmo.

Anselmo destaca que é muito importante para o empreendedor que pensa em lançar um serviço ou produto no mercado imobiliário estudar como andam as inovações e novidades no setor em mercados mais consolidados, como Estados Unidos e Europa.

“A tendencia é que algum tempo depois alguém traga para o Brasil uma ideia semelhante, mas com algum twist. Um exemplo claro é a Loft [startup brasileira], que compra imoveis para reformar e vender, e é uma ‘cópia’ de uma startup americana chamada Open Door, que já está funcionando lá [EUA] muito bem”, conclui Anselmo.

Quer fazer seu dinheiro trabalhar para você? Invista. Abra sua conta na XP – é grátis