Errou a mão?

Soros saiu da Petrobras antes do rali; veja quantos milhões ele deixou de ganhar

Nosso cálculo, embora hipotético, é bem conservador para o lado de Soros, já que tanto as ações PETR3 quanto PETR4 oscilaram entre R$ 8 e R$ 10 no trimestre

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Quem tem acompanhado o noticiário turbulento da Petrobras (PETR3; PETR4) desde o ano passado certamente se surpreendeu nesta semana ao perceber que as ações ordinárias da estatal ocupam a primeira posição do Ibovespa em valorização no ano. Seguramente, estes investidores devem estar se perguntando “por que eu não comprei as ações antes?” Caso sirva de consolo, um dos maiores investidores do mundo também ficou de fora deste rali da Petrobras: ninguém menos que George Soros, dono de uma fortuna avaliada em cerca de R$ 24 bilhões.

Conforme sua gestora informou à SEC (Securities and Exchange Commission) – a agência reguladora do mercado de capitais americano -, o bilionário decidiu vender todas as ações e opções que tinha da estatal brasileira no primeiro trimestre, assim como de todos os papéis de empresas brasileiras que tinha. Não se sabe exatamente a data em que a posição foi desfeita. Provavelmente, o movimento deve ter sido diluído ao longo de alguns dias. De qualquer forma, é possível fazer algumas estimativas de quanto Soros deixou de ganhar com o rali da Petrobras no segundo trimestre do ano.

Enquanto dobrou posição para 5,1 milhões de papéis da petrolífera no auge da Operação Lava Jato, durante o segundo semestre de 2014, em um momento de defasagem, e surfou com a recuperação dos ativos em decisão corajosa e acertada, o bilionário perdeu uma grande oportunidade de ganhar ainda mais com a forte alta das ações PETR3 e PETR4 na Bovespa, ao se desfazer delas aparentemente antes da hora.

Aprenda a investir na bolsa

Nosso cálculo, embora hipotético, é bem conservador para o lado de Soros, já que tanto as ações PETR3 quanto PETR4 oscilaram entre R$ 8 e R$ 10 no trimestre – ou seja, se o preço médio de suas vendas ficou mais perto do fundo, as perdas seriam maiores. Vamos a ele: considerando-se que Soros tinha toda sua posição sobre a Petrobras formada por ações preferenciais (PETR4) e que ela tivesse sido desfeita a um preço médio de R$ 9,73 – valor dos papéis no fechamento de 31 de março -, ele teria deixado de ganhar cerca de R$ 16,93 milhões. As ações subiram 32% nesse período.

Caso consideremos que toda a posição do megainvestidor em Petrobras fosse feita por 5,1 milhões de ações ordinárias (PETR3) e que ela tivesse sido desfeita com o preço médio equivalente ao valor do fechamento do último dia de março – R$ 9,58 -, a oportunidade perdida chegaria em algo em torno de R$ 23,31 milhões. As ações sofreram valorização de 44% no período.

A tabela abaixo explica um pouco melhor o cálculo:

AçãoCarteira em 31/03*Carteira em 11/06*Diferença
PETR3R$ 48.858.000,00R$ 72.165.000,00R$ 23.307.000,00
PETR4R$ 49.623.000,00R$ 66.555.000,00R$ 16.932.000,00

* Considerando-se carteira de 5,1 milhões de ações.

Portanto, toda a vez que você desanimar pela ansiedade por embolsar lucros tê-lo afastado da oportunidade de ganhar mais dinheiro em um trade, lembre-se que até mesmo os melhores passam por isso. Se aconteceu com George Soros, não há motivos para se penalizar. O que vale é aprender com as situações e aplicar o conhecimento adquirido em uma próxima oportunidade.