Cana de Açúcar

São Martinho anuncia operação envolvendo Usina de São Carlos

São Martinho assume a partir da safra 13/14 o canavial próprio, todos os contratos agrícolas e de fornecimento de cana da Usina São Carlos, além de seu armazém de açúcar

(18/12) SAO MARTINHO (SMTO – NM) – Operacao envolvendo a Usina Sao Carlos
DRI: Augusto Brauna Pinheiro

Enviou o seguinte Fato Relevante:

“Sao Paulo, 17 de dezembro 2012 – Sao Martinho S.A. (Bovespa: SMTO3; Reuters:
SMTO3 SA e Bloomberg: SMTO3 BZ), um dos maiores produtores de acucar e etanol do
Brasil, e BIOSEV S.A. anunciam operacao envolvendo a Usina Sao Carlos – “USC”,
localizada no municipio de Jaboticabal e proxima a Usina Sao Martinho -” USM”.
Contexto da Operacao
A Usina Sao Carlos tem disponibilidade, atualmente, de cerca de 1.850.000
toneladas de cana de acucar, com elevada sinergia agricola com a Usina Sao
Martinho.
Sao Martinho assume a partir da safra 13/14 o canavial proprio, todos os
contratos agricolas e de fornecimento de cana da Usina Sao Carlos, alem de seu
armazem de acucar. As operacoes da Usina Sao Carlos serao encerradas pela BIOSEV
S.A.
O volume de cana de acucar que abastece a Usina Sao Carlos encontra-se em um
raio medio de 30 quilometros da Usina Sao Martinho, maior ativo do grupo. Nas
safras 11/12 e 12/13, a Usina Sao Martinho processou o equivalente a 6,7 milhoes
e 7,6 milhoes de toneladas de cana de acucar, respectivamente.
A sinergia na area agricola e o potencial de diluicao de custos sao de absoluta
relevancia para essa transacao, uma vez que mais de 70% do custo de producao de
acucar e etanol vem da area agricola. A garantia do suprimento de cana de acucar
ira viabilizar o crescimento da unidade no futuro.
Detalhamento da Operacao
1) Aquisicao pela Sao Martinho de 100% das acoes de uma empresa constituida
especificamente para esta transacao – NEWCO – a qual detera os direitos sobre a
totalidade dos contratos de parceria agricola e fornecimento de cana de acucar
da Usina Sao Carlos celebrados previamente pela BIOSEV S.A.;
2) Descontinuidade das operacoes da Usina Sao Carlos e a transferencia parcial
de suas atividades, equipamentos e mao-de-obra as demais unidades da BIOSEV
S.A.;
3) Venda pela BIOSEV S.A. de um armazem de acucar localizado na Usina Sao
Carlos, com capacidade estatica de armazenagem de 40 mil toneladas, bem como
suas benfeitorias, instalacoes eletricas, pontes rolantes e acesso;
4) A celebracao de contrato de fornecimento de cana de acucar, pelo qual a Sao
Martinho fornecera a BIOSEV S.A., exclusivamente na safra 2013/14, 1.000.000 (um
milhao) de toneladas de cana, para moagem em outras usinas do grupo BIOSEV S.A.;
5) A Sao Martinho pagara a BIOSEV S.A. R$ 199,6 milhoes de reais por todos os
ativos e direitos envolvidos nessa transacao;
6) A conclusao da transacao esta sujeita a (i) determinadas condicoes que
deverao ser satisfeitas ate 31 de marco de 2013, incluindo a aprovacao do
negocio pelos acionistas preferencialistas da BIOSEV S.A. e o resultado da
auditoria confirmatoria a ser realizada pela Sao Martinho nos ativos objetos da
transacao, bem como (ii) a aprovacao das autoridades brasileiras de defesa da
concorrencia.

Sobre a Sao Martinho
O Grupo Sao Martinho esta entre os maiores grupos sucroenergeticos do Brasil com
tres usinas em operacao: Sao Martinho, em Pradopolis (regiao de Ribeirao Preto,
SP); Iracema, em Iracemapolis (regiao de Limeira, SP) e Boa Vista, em
Quirinopolis, GO. Alem dessas, consolidamos 32,18% da Santa Cruz, localizada em
Americo Braziliense (regiao de Ribeirao Preto, SP). Para mais informacoes visite
o site www.saomartinho.ind.br.
As afirmacoes contidas neste documento relacionadas a perspectivas sobre os
negocios, projecoes sobre resultados operacionais e financeiros e aquelas
relacionadas a perspectivas de crescimento da Sao Martinho sao meramente
projecoes e, como tais, sao baseadas exclusivamente nas expectativas da
diretoria sobre o futuro dos negocios. Essas expectativas dependem,
substancialmente, de mudancas nas condicoes de mercado, do desempenho da
economia brasileira, do setor e dos mercados internacionais e, portanto,
sujeitas a mudancas sem aviso previo.”