Resultados

Rentável, Dafiti fatura mais e cresce em número de clientes

A Dafiti teve um Ebitda de R$ 28 milhões no ano. É a primeira vez que a companhia abre esse número de suas operações

arrow_forwardMais sobre
Dafiti Prime é uma das estratégias da companhia para fidelizar clientes

SÃO PAULO – “Não vamos crescer a qualquer custo”. Este é o discurso que a varejista de moda online Dafiti adotou nos últimos dois anos e que foi amplificado nesta terça-feira com a divulgação de seus números consolidados de 2019. O balanço mostra que a companhia conseguiu ser rentável pelo terceiro ano consecutivo.

A Dafiti teve um Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 28 milhões no ano — é a primeira vez que a companhia abre esse número de suas operações.

A receita líquida totalizou R$ 2,5 bilhões — alta de 21,9% em relação a 2018 e o número de clientes ativos chegou a 5,9 milhões, ante os 5,2 milhões no ano anterior. Além do Brasil, a companhia, pertence à Global Fashion Group, tem operações na Argentina, Chile e Colômbia.

PUBLICIDADE

“Abandonar um Ebitda positivo poderia acelerar o crescimento da companhia, mas, após 9 anos de história, não nos sentimos mais confortáveis com isso”, afirma Phillip Povel, presidente e co-fundador da Dafiti.

Apesar de não abrir os números específicos do Brasil, Malte Huffmann, co-fundador e managing director da Dafiti, afirma que as operações seguem crescendo. Segundo ele, as vendas do grupo no Brasil no ano passado tiveram alta superior ao crescimento de 2018.

Uma das medidas adotadas pela Dafiti para crescer foi a adição de novas marcas ao seu catálogo, como Polo Ralph Lauren, Banana Republic e Gap. Hoje, são mais de 4 mil marcas em sua plataforma.

“O nosso objetivo não é necessariamente crescer o número de marcas e sim otimizar o nosso portfólio. Isso significa adicionar marcas que tragam uma diversidade maior de produtos”, diz Huffmann.

Para ampliar o catálogo e a fidelização, a Dafiti também investiu em coleções cápsulas lançadas em parceria com influenciadoras digitais.

Outra novidade em 2019 foi o lançamento do serviço Dafiti Prime. Disponível inicialmente para o estado de São Paulo, o pacote permite que o consumidor tenha acesso a frete e entrega mais rápida de seus produtos por R$ 19,90. A empresa pretende expandir o serviço para outros estados ainda neste ano.

PUBLICIDADE

Está previsto para 2020 ano também a inauguração de um novo centro de distribuição que a companhia está construindo em Minas Gerais. Com um espaço de 80 mil metros quadrados, o local tem capacidade para armazenar mais de 3,5 milhões de itens.

Quer investir nas maiores empresas do país? Clique aqui e abra sua conta na XP Investimentos.