Teleconferência

QGEP dobra capex estimado no próximo ano, para US$ 230 milhões

Número anterior era de US$ 165 milhões; CEO diz que companhia poderá perfurar poços adicionais no bloco BM-S-8

*Atualizado às 13h21 (horário de Brasília)

SÃO PAULO – A Queiroz Galvão Exploração e Produção (QGEP3) dobrou o seu capex previsto para o próximo ano, isso é, o investimento em bens de capital, como equipamentos e máquinas. O valor a ser desembolsado passou de US$ 165 milhões para US$ 230 milhões.

“Incluímos na projeção de capex a possibilidade de perfurar poços adicionais no bloco BM-S-8”, explicou Lincoln Guardado, presidente da petrolífera, em teleconferência realizada com analistas nesta quinta-feira (8). É no bloco BM-S-8 que se localiza o prospecto de Carcará, avaliado pela empresa como a maior oportunidade de exploração no curto prazo.

Guardado ainda disse que “com certeza” haverá um esforço adicional na exploração deste bloco, tanto em 2013 quanto em 2014.

Para esse ano o valor estimado continua em US$ 90 milhões, sendo que US$ 70 milhões já foram desembolsados. Para 2014 o capex também continua em US$ 170 milhões.

Apesar desse novo valor para o capex, a petrolífera diz possuir uma posição de caixa confortável. Paula Costa, diretora financeira e de realçoes com investidores, afirmou que o mercado de dívida está em um momento muito bom para a QGEP, mas lembrou que “não há nenhuma pressão para essa contratação de dívida no curto prazo”.