Problemas com clientes

Procon-SP inclui Peixe Urbano na lista de sites para se evitar

Procon notificou a empresa no início de maio e não obteve retorno; site está fora do ar

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – O Procon-SP anunciou que o site de compras e cupons de descontos Peixe Urbano foi incluído na lista de sites para serem evitados da entidade de proteção ao consumidor.

No início deste mês, a companhia foi notificada pelo Procon-SP por não ter prestado nenhum tipo de assistência em relação às reclamações de clientes.

“O Procon-SP notificou na sexta-feira (7/5) o Peixe Urbano para obter informações sobre o responsável pela empresa de serviços digitais, tais como telefone, endereço comercial e eletrônico, além de proposta para atendimento das queixas registradas por consumidores. A solicitação se dá em razão da dificuldade de interlocução com o fornecedor, que não tem retornado às demandas de consumidores que reclamam no Procon-SP”, disse uma nota do Procon na época.

A entidade afirmou que se a empresa não enviasse uma resposta sobre o assunto em 48 horas, seria fiscalizada. “E o Peixe Urbano poderá ser inserido na lista “Evite Esses Sites” do Procon-SP”, dizia a nota.

Segundo o Procon, em 2020 foram registradas 297 reclamações contra o Peixe urbano no Procon-SP, com índice de solução de 71%. Passados apenas quatro meses de 2021, os registros já ultrapassaram todo o ano anterior, 328. Os índices de solução foram 33% em janeiro e 43% em fevereiro. “A empresa não apresenta mais respostas e as notificações eletrônicas são devolvidas automaticamente com mensagem de erro”, disse a entidade.

O InfoMoney procurou o Peixe Urbano, mas ainda não obteve resposta. Na última segunda-feira (17), o site foi incluído na lista do “sites para se evitar” do Procon. Veja:

O site está indisponível, bem como o app na loja de compras AppStore, da Apple. Segundo o Procon-SP, com isso muitos clientes perderam o acesso para resgatar suas compras feitas por meio da empresa

Veja:

(Reprodução/Peixe Urbano)Na PlayStore, loja de apps do Android, o app aparece para instalação, porém, alguns clientes comentaram que tiveram problemas com o funcionamento do app. Veja:

Aprenda a identificar os produtos financeiros para blindar seu patrimônio contra o “Risco Brasil”. Inscreva-se no curso gratuito.

Compartilhe